Namoro português

Namoro online em Portugall! Conheça pessoas e namore aqui. Mais de 486 usuários procuram o amor no Badoo! Namoro online em Portugall! Conheça pessoas e namore aqui. Mais de 484 usuários procuram o amor no Fiesta! Português (Brasil) Portuguese (Brazil) ... Planos de Leitura: Procurar Planos Namoro. Início. Ler. Planos. Vídeos. Entrar Cadastre-se. Entrar Cadastre-se. Meus Planos; Descubra ← Planos. Namoro. Metas de Relacionamento. Metas de Relacionamento. Esperando em Deus o Casamento ... Badoo - bate-papo, namoro e amizade com mais de 486 milhões de pessoas. Entre para nossa comunidade e faça novas amizades na sua área. Namoro! 124,960 Members . Amores virtuais, sentimentos reais. Join Now Create Post . Public Chatrooms . More Communities. Marvel Comics em Português :tm: Terror: Under The Bed. Game Of Thrones BR O Clube Amizade Portugal é mais que um site de amizade o local ideal de encontros para fazer novas amizades, encontrar o seu amor, namorar, encontrar namorado ou namorada, relacionamentos entre homens, mulheres, Casais, encontre a sua alma gemea o maior site de amizade na internet o site para fazer amigos e amigas encontre agora o seu cupido português. [ :couple_with_heart: ] ... O nome da comunidade pode ser Namoro! mas esse não é o único tema abordado nela. Aqui você vai encontrar de tudo, desde tutoriais, poesias, dicas, curiosidade, GT’s, memes, entrevistas e muito mais! Mas isso não significa que nós não tratamos do tema amor. Se precisar de dicas de como conquistar ... O Namoro em Portugal o seu site de namoro online para quem procura namoro em Portugal, Encontre agora o seu namorado ou namorada, comece agora um namoro virtual com milhares de homens e mulheres que procuram namoro junte-se a eles fale online no Namoro em Portugal, Site para quem procura namoro na internet. Português- é 100% Grátis, ao contrário de sites pagos de namoro.Você terá mais interesse e respostas aqui do que todos os sites de encontros pagos combinados! Melhor site de namoro português GRÁTIS! 100% de namoro grátis para solteiros Português no namoro-portugues.pt. Pare de desperdiçar dinheiro em outros sites de namoro. namoro-portugues.pt é o melhor e mais sério site de bate papo e namoro 100% gratuito dedicado principalmente à data entre pessoas que se interessam pela cultura portuguesa. Bate-papo com um homem português sério ou você pode encontrar facilmente uma menina portuguesa para o casamento em Lisbon, Sintra, Porto, Loures, Vila Nova de Gaia, Amadora e em todas as cidades portuguesas.

Pegação Brasil -- /r/br4r

2015.08.24 07:20 abrazilianinreddit Pegação Brasil -- /r/br4r

Quer uma companhia para a noite, para a semana ou para a vida toda? Talvez você encontre no reddit! Talvez não! Mas não custa tentar. E estamos aqui para isso. Seja uma pegação leve, um encontro casual, um amigo com benefícios, namoro, casamento, ou apenas uma amizade, este é o subreddit para brasileiros que querem uma companhia.
[link]


2020.09.22 16:00 Triiggerr Tente não ser social awkward

Antes de mais nada desculpa pelo termo em inglês. Eu não sei se existe um nome pra isso em português.
Minha história começa ha 3 anos. No final de 2017 meu cachorro morreu e eu era muito apegado a ele e eu fiquei sem rumo e sem motivo pra continuar vivo. Eu só continuei indo pela minha mãe e pelo meu pai senão eu tinha me matado.
Alguns meses desse estado mental de desistência eu já tinha perdido basicamente toda minha habilidade de socializar e interagia basicamente com 3 amigas na minha sala e não conseguia ter um diálogo com mais ninguém direito.
Até que em abril de 2018 eu conheci uma menina e eu conseguia conversar com ela de verdade e eu me apaixonei por ela e a gente começou a namorar. Eu fiz tudo que eu podia e tudo que eu não podia por ela. Gastei Todo o dinheiro que eu tinha, peguei dinheiro emprestado, paguei no crédito sem saber como q eu ia arrumar dinheiro pra pagar o boleto no final do mês, Briguei com meus pais, parei de conversar com uma menina q ela não gostava, fiz coisas que eu não gostava/não queria. Isso tudo ao longo de 2 anos e meio de relacionamento.
Por mim tava tranquilo por que eu amava ela e as outras coisas não eram tão importantes mesmo. Porém além disso tudo eu também parei de interagir muito com meus amigos quando eu não estava na escola por que eu ficava sempre com ela fazia tudo com ela e etc.
A consequência disso foi que atualmente, depois de formado no ensino médio, eu interagia basicamente só com a minha namorada, conversando muito raramente com meus amigos que são um total de 4 pessoas sendo que a pessoa que converso mais fequente eu falo tipo uma vez a cada 15 dias ou algo assim.
Pulando pra sábado passado minha namorada falou comigo que ela me amava apenas em X circunstâncias, que ela não me apoiaria a fazer tudo que eu achasse correto e que eu só era a prioridade dela a não ser que ... (qualquer coisa que ela decidir). Ela já tinha apresentado esse comportamento antes de priorizar outras pessoas e outras coisa a cima de mim mas eu não ligava por que eu amava ela. Isso que ela falou já me fudeu com todas as forças mas eu não fiz nada só fiquei triste e com raiva.
No domingo ela terminou comigo. Falou que não tava dando certo pra ela a um tempo ja e que achava que era a melhor coisa a se fazer.
Agora vem a explicação do titulo. Tente não ser social awkward. Como eu só conversava com ela e não interagia com mais ninguém direito eu estou completamente desorientado. Meus pais e minha irmã tão me dando uma força daora e eu consegui conversar a respeito com uma amiga minha mas eu simplesmente tô abandonado sozinho no mundo. Por que eu vejo as coisas penso as coisas e quero contar pra alguém mas não tem ninguém pra contar por que eu só conseguia conversar mesmo com ela. Ontem eu tive uma crise de ansiedade que durou tipo a tarde inteira por que eu tava completamente perdido no mundo e na minha vida.
Além disso tudo eu não posso fazer nada que eu gosto o que piora tudo infinitamente. Eu sou músico violonista e pianista e sou programador. Porém no último mês eu tenho tido um problema na mão que acredito ser tendinite que toda vez que eu vou tocar ou mexer no computador minha mão começa com uma dor insuportável (Mas já marquei um fisioterapeuta e vou consultar essa semana ainda). Então nesse momento eu tô sem ninguém pra interagir direito e sem poder tocar ou mexer no computador o que piorou tudo.
O que ta me "segurando no lugar" são meus pais, minha irmã, meu cachorro(que veio pra minha casa ano passado) e a amiga que eu consegui conversar. Mesmo assim eu tô tendo crise de ansiedade e começando a chorar do nada e ficando olhando pra parede pensando que que aconteceu e pensando como que o universo gosta de me fuder por que no último ano tudo deu errado pra mim menos o meu namoro e agora o namoro deu errado também.
A moral da história é não pare de interagir com seus amigos em nenhuma situação. Não baseie toda sua sanidade e paz de espírito em uma pessoa por que a gente nunca sabe o que vai acontecer. Eu queria e acreditei que eu ia casar com ela e a gente ia ter filhos e uma família e ficar juntos pra sempre mas o universo tinha outros planos pra gente.
Tente ao máximo não ser social awkward por que isso doi muito e eu espero que mais ninguém tenha que passar pelo que eu passei ontem.
Desculpa pelo texto gigante eu não consegui falar sobre isso com mais ninguém direito e aqui me pareceu um lugar apropriado.
submitted by Triiggerr to desabafos [link] [comments]


2020.09.04 18:33 DanteStonecross Senta que la vem história

Eu to a algum tempo lendo e comentando coisas nesse /, e eu sempre quis dizer varias coisas aqui, porque de algum jeito eu me sinto confortável de ver essas coisas e todos vocês, mesmo discordando com algumas pessoas aqui e ali ta tudo bem, discordar é normal, faz a gente mais humano.
Mas eu queria muito contar uma história aqui hoje, é uma jornada importante pra mim, e eu espero que vocês gostem de me ver aprendendo uma coisa muito complicada. Nessa história, todos os nomes serão fictícios, e será um resumo muito resumido, então a grande maioria dos fatos não está aqui, mas o que isso tudo me ensinou, você vai poder ver com certeza.
Eu sempre fui um Romântico, e quando eu digo Romântico, eu falo da escola literária, eu não uso aquele português difícil, mas eu enxergo o mundo de uma maneira similar, eu vivo os momentos com as pessoas com intensidade, com muito sentimento, e os momentos seguintes a esses vem a melancolia.
A primeira vez que eu me apaixonei quando tinha 11 anos, o mundo se tornou diferente pra mim, era como se de repente todo o resto fosse preto e branco, e apenas aquela garota fosse colorida(eu tenho essa história contada em um texto, que é o ponto inicial da minha depressão, escrito exatamente como aquela criança enxergava o mundo, se ao final alguém se interessar eu mando sem problemas).
E, perto se fazer 14, em 2013, eu conheci uma garota muito mais do que bonita, ela era simplesmente divina aos meus olhos, ela era tão incrível, ela tinha absolutamente tudo que eu gostava. Eu conheci a Ágata dando aulas de matemática(o que mais um nerd faz?) e algo me chamou muita atenção: mesmo com 13 anos eu já tinha dado muitas aulas pra muitas pessoas e todo mundo tem um limite, todo mundo desiste(pede uma pausa) depois de X questões, mas ela não, mesmo sem entender muitas coisas ela persistia até o fim tentando entender tudo, até o horario dela ir embora ela continuou la, com o caderno e a caneta fazendo de tudo pra conseguir entender.
Bons meses depois Ágata se tornou minha melhor amiga(embora no início ela respondia minhas mensagens a cada 3 semanas, sem exagero!), e mais um tempo depois e muitos conflitos com a família dela, a gente começo a namorar.
Eu ainda não posso explicar o que era a sensação de namorar com ela, ela era literalmente o que todo garoto sempre sonhou: baixinha, cabelo cacheado, um rosto muito agradável, um sorriso lindíssimo, peitos e bunda enormes(ENORMES), cantava feito um anjo, era popular, divertida, extrovertida, dedicada, esforçada... É uma lista de qualidades que, na época, transbordava.
De 2014 até 2019, nós tivemos 3 anos de relacionamento e 5 anos de amizade, e eu aprendi muito mesmo em todos esses anos. O motivo do término do relacionamento(numa versão em resumo do resumo do resumo) foi, principalmente, possessão. Eu tenho um pai que é extremamente possessivo e eu levei 14 anos pra sair das garras deles(ou seja, ainda era recente quando eu conheci ela), e 1 ano depois do namoro ela começou a querer cada vez mais a minha atenção, onde eu não sentia mais liberdade pra fazer coisas que eu queria, porque eu tinha que ficar 3 horas falando no telefone com ela(e eu nem gosto de falar no telefone).
Não me entendam mal, eu não estou dizendo que fui perfeito, que não tive defeitos ou que só eu que estava passando por problemas, acabou porque precisava acabar. Inclusive se você, Ágata, por algum motivo descobriu o reddit e se reconhecer nesse post, saiba que mesmo não mais falando com você e não conseguindo mais olhar na sua cara(história pra outro dia), você pra sempre terá minha gratidão e meu respeito, nós vivemos muitas coisas juntos e, se hoje eu sou um homem, foi você que o moldou, muito obrigado.
Quando isso terminou, eu comecei a conversar mais com uma outra garota que eu conhecia, estudava na mesma escola que a gente, e conforme eu a conheci, ela começou a conquistar cada vez mais espaço no meu coração.
Carol era uma mulher interessante de várias maneiras, ela era extremamente extrovertida, cantava muito bem, tinha muitas histórias pra contar, era uma das pessoas que mais tinham ficado com gente na escola, e principalmente, ela tinha acabado de ganhar uma filinha. O jeito que a Carol olhava pra filha dela me fazia querer estar por perto, não porque ela parecia uma mãe incrível, mas porque havia uma dualidade dentro dela: aquela criança foi concebida de um estupro, onde foi muito difícil aceitar conceber a criança, quando ela nasceu era completamente visível que ela não sabia o que fazer, ela amava mais do que tudo aquela criança, ao mesmo tempo que ela via o homem que fez isso quando olhava pra ela(graças a deus, isso mudou bem rápido).
O tempo passou e eu e Carol começamos a nos dar muito bem, e em meados de 2019 a gente se beijou pela primeira vez, essa foi oficialmente a segunda pessoa que eu beijei na vida e cara, que coisa mais estranha, eu não sabia nem como descrever o que tinha sido aquilo de tão estranho... Até que ela me beijou uma segunda vez, e ai oficialmente, aquele era o melhor beijo do mundo.
Eu e Carol ficamos mais algumas vezes, e a gente se dava muito bem em tudo, até na cama era muuuuito diferente do que era com a minha ex, e a gente fazia tantas coisas juntos, viamos animes, conversavamos sobre varias pessoas, saíamos pra comprar roupas...
Cada dia que passava o meu sentimento só aumentava, e quanto mais ele aumentava, mais coisas que eu achava incríveis aconteciam, como a gente ver as coisas abraçadinhos, ficar de mãos dadas, varias dessas coisas de casal.
O meu erro? Carol desde o inicio falou "Não se apaixona por mim, eu não me apaixono por ninguém". Eu segui essas instruções o quanto foi possível, mas cara, talvez fosse loucura minha, mas parecia muito que ela também estava apaixonada, não com palavras porque toda vez que eu mencionava ela mudava a expressão e o jeito por um tempinho, mas as atitudes dela, os nossos momentos...
Depois de um tempo, no inicio desse ano, eu tentei cortar a Carol da minha vida torcendo pra que resolvesse meu problema, e deu certo por 1 mês até que ela me mandou mensagem perguntando quanto tempo isso levaria. Eu dei o meu melhor e coloquei todos os meus sentimentos em um texto, cada palavra continha tudo que eu sentia por ela, e ela também fez um texto de volta pra mim, e eu pude sentir o que ela sentia também, ela queria ser só minha amiga, e nada mais.
Nós ficamos mais 3 ou 4 meses sem nos falar até que, por intermédio de uma amiga em comum, a gente voltou a se falar e, desde então eu vi Carol mais umas 3 ou 4 vezes, mas é tudo muito estranho, a gente troca mensagens uma vez por semana e olhe la, eu nem acredito que um dia a nossa amizade volte, quanto mais a gente ficar ou coisas do tipo.
Mesmo com tudo isso, ela sempre viveu no meu coração.
Porem aqui vem a lição, meus amigos.
Há semanas atrás, eu consegui contato com uma garota que a gente não se via a muitos, muitos anos. Sabe aquela história de primeiro amor a gente nunca esquece? Esse foi meu segundo, e o que eu verdadeiramente nunca esqueci, eu sempre vou me lembrar do meu primeiro dia de aula numa escola completamente nova, e no fim do dia eu ainda todo perdido uma garota me puxa, me olha nos olhos e a primeira coisa que ela diz pra mim é: "Você namoraria comigo?". A resposta pra essa pergunta era não, obviamente, foi muito aleatório, mas eu estava tão nervoso que saiu "sim", ela deu um sorrisinho e voltou ao que tava fazendo. Desde aquele dia, Livia se aproximou cada vez mais de mim, e ela tentou me conquistar todos os dias, e acreditem em 2012/13 eu não era naada fácil.
E quando eu consegui falar com ela novamente, alguma coisa dentro de mim estalou, a gente voltou a conversar e era como se nada tivesse mudado, a gente conseguia desenvolver do mesmo jeito que a gente sempre fez, nem parecia que tinham 7 anos sem contato. A gente se viu algumas vezes(sim, eu sei que a gente ta de quarentena, todas as medidas de seguranças foram tomadas pra gente conseguir) e, cara, eu tinha me esquecido o que é olhar pra alguém que te olha como se você fosse uma obra prima, aquele olhar de quando éramos crianças não mudou nem um pouquinho, ela ainda olha pra mim como se eu fosse a pessoa mais legal do mundo.
Eu, com todos os meus defeitos, com todas as minha chatisses e meu jeito ""inteligente"" de ser, onde a lista de qualidades é exatamente igual a lista de defeitos, ela me vê como se fosse alguém muito mais do que incrível.
E eu olho pra ela assim também, e quando eu a olho, eu quero que ela sinta a pessoa incrível que eu vejo, uma pessoa que passou por inúmeros problemas pelo mundo afora e ainda passa, alguém que realmente foi a raiz do meu gosto pelas mulheres, que me ensinou que atitude é a melhor caracteristica possível em alguém, e que eu quero alguém com isso na minha vida, alguém que tenha coragem de me puxar pelo braço e dizer que me quer, alguém que queira os meus toques, alguém que querias os meus carinhos, as minhas massagens, os meus abraços, as minhas implicações, assistir animes ou séries comigo, beber comigo, aprender e viver todo tipo de experiências e situações. É isso que eu quero com ela também!
Esse é um pedacinho da minha odisseia, eu pedi a Deus, ao universo, a seja la o que for que estiver ai fora por nós, pra que 2020 seja um ano de apredizados e conquistas, 2020 foi o ano mais difícil da minha vida, onde por conta de um treinamento pra competição, da pandemia(home office) e tambem por causa de ter a Carol na minha cabeça, eu passei pela pior fase da minha vida, mas eu consegui correr atrás de ajuda a tempo(onde eu devo a minha vida a minha hipnoterapeuta, que mulher excepcional) e, no final dessa jornada, eu cresci muito e me tornei bem mais forte.
Muito obrigado, eu deixo aqui os meus agradecimentos a todas essas garotas, que me mostraram quem eu quero junto a mim e quem eu quero ser, a minha mãe que é a melhor mãe do mundo e, mesmo a gente se desentendendo as vezes, eu não resistiria sem ela, a minha hipnoterapeuta que consegue a façanha de me colocar em transe(hipnose ericsoniana é a melhor, sem dúvidas!) e que me ensinou muuuito mais lições do que eu teria aprendido em 20 anos da minha vida.
E principalmente, muito obrigado a mim mesmo, por ter aguentado até aqui, por nunca ter parado de ir pra frente mesmo pensando todos os dias em desistir, em jogar tudo pro ar, pensando até em coisas muuito, mas muuuuito mais escuras nos dias mais dificeis, mesmo assim nós estamos aqui, prontos para a proxima jornada, onde a gente vai sofrer, mas a gente vai aprender algo a respeito disso no final.
Se você chegou até aqui, meu caro amigo, eu só queria te contar a história de como eu descobrir o que, pra mim, é o amor. Amor é o que eu sinto quando olho pra alguém que também me devora com o olhar e as atitudes, amor não é toda a intensidade, todo o fogo, toda a loucura, não! Pode ser um pouco disso, mas principalmente, amor é reciprocidade, é você não ter que se esforçar em mudar 1001 coisas só pra agradar a pessoa, quem você ama e quem te ama de verdade gosta de você por ser quem você é, e é isso que eu quero pra minha vida, amar e ser amado!
Eu não sei se eu e Livia vamos ficar juntos, a gente deve descobrir mais a frente, mas eu sei que eu quero isso, e se o destino(ou o universo, ou deus...) não permitir que a gente fique junto, tudo bem, eu sei agora o que procurar, e que vai existir mais alguém que olhe pra mim do jeito que eu olho pra ela.
submitted by DanteStonecross to desabafos [link] [comments]


2020.08.14 20:29 Laih_Vieira Sou babaca por não perdoar alguém que me deixou muito mal??

Olá Luba, Editores, gatas e principalmente a turma. Vim contar a vocês uma coisa que houve comigo, e que me deixou muito mal mesmo. A história é grande, mas cheia de plots twist (escrevi certo?)
Tava eu, toda fofa na escola, até que eu soube que meu melhor amigo João Paulo (vou expor mesmo aquele corno) tava namorando uma amiga minha, Nayara (vou expor essa corna tbm, pq expor é bom kkkkkk). Quando fiquei sabendo, parabenizei, claro, ele era como um irmão pra mim, e tava feliz por ele. Na época, ela andava com uma garota que já havia feito mal pra mim (calma que piora). Brevemente mais tarde, Nayara e Carls (n vou expor a garota, pq eu perdoei ela) brigaram, consolei Carls, e fui a "única" amiga dela por umas semanas. JP estava distante já, e eu tava estranhando já, ent pensei em conversar com ele. Então bateu o sinal, e eu fui pra aula de português, logo depois eu soube que uma garota da minha sala foi vista se pegando nos corredores com um cara do nono 1 (eram três nonos, e minha sala era do sétimo). Eu fui pra educação da última aula, tava lá e plena, Nayara estava nervosa, até que eu saio, vejo o nono 1 (sala do João Paulo, que estava na aula de geografia, pertinho da quadra) passando, ent eu fui conversar com ele. Vi ele chorando, fui consolar, então soube que o casal se pegando era a Nayara e o amigo dele. Descobri que ela traiu ele, não só uma, como tbm várias vezes, e ele trouxa perdoava.
Carls me disse que Nayara me odiava pq eu e o JP éramos beeeeem próximos, tipo, muito próximos (como falei, considerava um irmão). Não via motivo pra isso, pq eu tava desenrolando com um cara da sala dele tbm (inclusive, estamos namorando hoje, e vai fazer 5 meses dia 26, bjs mô).
Então, eles terminaram. Nayara estava muito mal mesmo, já o JP tava pegando várias, inclusive, pediu pra mim apresentar uma amiga só pra devolver os chifres (claro que eu fiz isso, pq eu tinha problemas com ela, assunto pra outra turma feira). Ent eu vi que a Nayara não estava nem um pouco bem, fui piedosa e consolei, ajudei ela pra caralho, inclusive, fiz os dois voltarem, pq se n fosse por mim, João Paulo e Nayara nunca teriam voltado. Nayara me deixou de lado, me jogou como se eu fosse lixo, ou seja, ela tava me usando pra chegar nele. Uns meses dps eu aceitei, mas continuei sendo amiga dele, fora que a Nayara sempre dizia que eu queria arruinar o namoro deles, pq eu era talarica (sendo que muitas vezes, JP me deu cantada, e era apaixonado por mim), então já sabem né.
4 meses depois (era 2020 já) e o JP tava muito mal mesmo, ele tinha depressão antes, e ele tava muito mal, chateado, realmente, eu consolei claro, pq só isso q eu sirvo.... sempre ajudei ele, até que eu descobri que a Nayara tava fazendo isso com ele, pq era uma surpresa de 6 meses de namoro. Fiquei com tanta raiva, pq ele literalmente tava sendo trouxa, perdoou chifre, e ainda levou mais). Então joguei na cara dele que ela me usou, que ela era idiota, que ele não merecia ela e etc.
Ele ficou bravo, me bloqueou, defendeu ela... Nayara veio no Messenger (havia bloqueado ela no whats) me xingar, disse que realmente me usou, e que eu tinha inveja pq meu relacionamento n tinha dado certo (será mesmo bb?) Ent eu bloqueei. Ela criou um fake pra me xingar, bloqueei tbm. Praticamente me fez sentir que eu era a babaca da história, e até hoje eu penso assim, pq de certa forma, doeu muito perder ele, ele era um bom amigo, e sinceramente, sinto muita saudade, mas né, acho que me odeiam.
Conclusão, João Paulo me mandou mensagem 4 meses depois, e pediu perdão. Não aceitei, xinguei (ele me humilhou por causa dela), ele descobriu que eu tava certa, pegou ela em flagrante com outro cara.
Mas ainda sim me julgou como a babaca... me sinto mal até hoje, eu tentei alertar falando que ela não prestava...
Eis a pergunta, eu sou a babaca da história? (Caso queiram mais detalhes, eu respondo nos comentários)
submitted by Laih_Vieira to TurmaFeira [link] [comments]


2020.08.14 14:21 zChlomaki Eu ter deixado de ser amigo de uma pessoa que falou para a minha melhor amiga que tem problemas psicológicos se matar e ir na fé é algo realmente ruim?

Bem, eu tenho meu grupinho de amigos. E um dia uma amiga conheceu uma pessoa, vamos chama-lá de P e minha amiga vamos chama-lá de M, quando M conheceu o P ele ficou perguntando pra ela namorar com ela 5 vezes, e todas elas foram negadas, e por algum motivo que desconhecemos ele começou a chama-lá de irmã, depois de um tempo ela me apresentou o P. Depois de uns meses foi quando tudo começou a ferver. Eu havia apresentado uma amiga minha, vamos chama-la de L, para o P. L havia alguns problemas psicológicos, eu sempre à ajudava em relação a desabafo, algumas pessoas que eu já ajudei com esse tipo de caso sempre tinham muita coisa pra extravasar, depois de uns dias a gente estava em chamada e estava eu, P, M, L se tivesse outra pessoa na chamada, eu não me lembro, bem a gente estava na chamada tudo muito tranquilo, todo mundo conversando e rindo. Porém P disse que ele ia tomar um remédio, porém ele não havia dito os efeitos do remédio e ”aparentemente” esse remédio fala tudo que vir na cabeça também é algo que eu duvido é que aquele remédio realmente fazer isso pois um tempo depois ele mentiu falando que não conseguia receber um item cortante e que tinha que assinar um papel no correio. Sendo que minha mãe trabalhava com coisas de perícia criminal, ela já postou pelo correio produtos químicos pelo correio e também já comprou muita faca no mercado livre que foi onde ele comprou. E quando ele voltou e estava tudo bem até que ele diz para a L ir se matar e para ir na fé, eu e a M ficamos com medo, e a L veio desabafar no meu privado do Discord e a L deixou de ser amiga do P, depois de um tempo (contexto: eu sou inseguro ao meu corpo, sei que é a verdade, mas eu realmente não gosto do fato de eu ser um pouco enchidinho) ele me ofendeu esfregando muito na minha cara que eu era gordo mesmo ele não podendo dizer muita coisa. Depois de alguns dias ele começou a me pedir em namoro (contexto parte 2: ele falou “que era brincadeira”, mas o que eu penso é eu tenho certeza se eu aceitasse não seria brincadeira.) o que pra mim não foi legal mas eu relevei, já L ficou com mais raiva dele ainda, se passa mais uns dias eu pensei no que tava acontecendo antes de dormir e vi o quão aquilo não tava ficando legal, no dia seguinte eu me revoltei. E comecei a xingar ele, e ele começou a discutir comigo no privado do Discord, depois de um tempinho eu fui desabafar no privado da M que junto da L são minhas melhores amigas e foi quando eu desabei, com medo de perder a M por causa do P, eu conheço a M a 4 anos e perder uma amiga tão próxima como a nossa amizade, iria me quebrar, depois disso, o P mandou um convite para um servidor para a L, e vamos concordar que a pessoa falar pra você se matar e você se desaproximar da pessoa e ela te mandar o convite do servidor dela é muita sacanagem, e eu briguei com o P novamente, e agora um amigo meu não anda falando comigo direito, acho que por causa dessa porra. Se vocês quiserem as prints das conversas me contatem no twitter (@MaFiret_) porém elas estão em português e algumas traduções pra vocês não estarão erradas então se possível procure alguém que saiba português, mas enfim eu fui babaca? Atualização: Quando escrevi isso foi a 3 semanas atrás, semana passada eu acabei brigando com a L e agora eu não converso mais com ela, e ando conversando com outra pessoa a gente brigou e eu briguei falando de qualquer coisa que veio na cabeça, mas… o que ela tinha dito parecia que tava entalado lá dentro há muito tempo, mas eu nem tenho dado bola mais porque eu já to conversando com outra pessoa e essa pessoa dominou minha cabeça… me fez esquecer tudo que tava acontecendo, se to apaixonado, eu não sei. E eu não sei se eu sou babaca ou não, pq há tantas coisas acontecendo e eu só tava sentindo que tava enloquecendo, e essa pessoa que não vou falar aqui pq pode chegar até ela mesmo sendo muito improvável me fez me acalmar um pouco, então é acho que estou bem
submitted by zChlomaki to desabafos [link] [comments]


2020.08.12 05:25 player_br1 Um ano frustrante

Primeiro vou esclarecer umas coisas Eu to com sono então provavelmente só vou responder amanhã e erros d português é culpa do sono.
Vcs já devem ter lido vários posts assim, mais eu ja to a uns meses querendo falar disso. Esse ano tinha tudo para ser o melhor ou um dos melhores da minha vida, por ter entrado no ensino médio eu mudei de escola, e eu n podia pedir por uma sala melhor, tipo, eu realmente odiava a minha antiga sala, era um nível q tinha dias q eu n ia porque era perda de tempo, os professores n conseguiam dar aula, porém eu troquei d escola e o povo dessa escola é tudo q eu sempre quis, e p melhorar em uma sala d uns 25 alunos só 4 eram homem, então eu estava muito confiante que ia arrumar uma namorada, finalmente eu teria o meu primeiro namoro, só que tipo eu sou tímido p caramba, então nos 2 meses q eu tive de aula eu n fiz amizades "d vdd", as pessoas eram só colegas q eu talvez ja pudesse chamar de amigo. Então a quarentena começou Eu imaginei que ela iria durar pouco, então eu n me esforcei p continuar falando com os meus novos amigos (eu gosto d chamar eles assim), e quando as aulas online começaram, eu basicamente dormia a aula toda, então resumindo mt, eu n fiz amizades direito durante o primeiro semestre, algo que me fez mt mal, eu posso ter alguns amigos da antiga escola q eu realmente gosto, porém eles estão cansados, eles tiveram férias quando a quarentena começou, basicamente só isso aconteceu ate julho JULHO Eu dei sorte, tive férias o mês todo, durante esse mês ocorreram muitas coisas, primeiro, eu comecei a passar grandes períodos de tempo sem falar com nenhum amigo meu, como eu disse eles estão exaustos e tudo ta virandi briga, eu me apaixonei por uma menina da minha sala (pretendo falar com ela amanhã, nem sei como nem oq), me apaixonar eu nem sei como isso começou, ela é uma das pessoas q eu chamo d amigo da escola nova, durante as aulas antes da quarentena eu só a via como uma pessoa legal, principalmente pq eu achava ela feia, eu n sei oq mudou em mim, mais agr eu quero namorar com ela. Continuando julho, eu fiz aniversário, 16 anos, como eu n falo a data dele p meus amigos eu só recebi parabéns dos meus amigos mais antigos e da minha família, um tempo depois o amigo mais próximo do meu pai morreu atropelado, sendo bem sincero, isso não me afetou muito, porém eu nunca tinha visto o meu pai daquele jeito, até hoje eu to preocupado com ele, pq no final das contas o cara que morreu era um amigo da época da faculdade, mais p final do mês eu voltei a falar todo dia com os meus amigos da antiga escola, e para terminar o mês descobriram que a minha tia tem câncer de mama. Agosto O mês começou agr mais isso n importa As aulas online voltaram, eu to tendo prova todo dia e tendo a acordar cedo, com a volta as aulas eu interajo um pouco mais com a minha sala, mais n muito, eu fico com medo de falafazer bosta e afastar todos, e também a pessoa q eu me apaixonei deixa a câmera ligada durante a aula então o sentimento so fica maior. Esqueci de falar, porém antes de julho eu comecei a montar modelos d aviões e essas coisas, eu terminei um avião (IL2) e agr to montando um tanque (tiger 1), provavelmente essa foi uma das únicas coisas boas q sairam da quarentena, é bom fazer algo q n seja estudar, jogar videogame e assistir anime.
Bem se vc leu tudo parabéns vc tem mt paciência, mas obrigado por ler, eu to a uns 2 meses pensando em escrever isso e só hj tive vontade.
submitted by player_br1 to desabafos [link] [comments]


2020.08.06 17:26 Anyy-youtuber amor agente se constrói porem nem todos ajudam

ola luba editores e turma que estar a ver.
Titulo: amor agente se constrói porem nem todos ajudam
Sou uma menina e n prefiro falar meu nome
E toda vez que conto essa história meu coração aperta muito! ent desculpe-me pelos erros de português! ent, eu tinha uma amiga que ela viajava muito pois seus pais sempre mudavam para um emprego melhor! ( isso vai ser um pouco importante).com tudo isso eu fui criando um sentimento dentro do meu coração que chamam de amor! entre tanto no meio do ano ela teria que se mudar para Portugal! pois seus pais tinham encontrado um emprego bem melhor! no ultimo dia que nos veríamos eu falei minha paixão por ela, ela tentou namorar comigo pelo menos por um dia mas n conseguia nem segurar a minha mão! com tudo isso terminamos. continuamos contato porem n sentia mais a paixão e ja tinha desistido! mas ela me surpreendeu e em uma chamada de video disse q me amava e que poderíamos namorar mesmo ah distancia. pensei muito e percebi que a paixão ainda existia, não era tão grande quanto antes porem fiquei com a frase "amor agente constrói" minha vó falou isso antes de ficar acamada e eu guardei ( a expressão se n me engano está errada porem conto assim ate hj pois lembro que minha vó amava falar isso <3) ent começamos a namorar. ficamos por quase 2 anos, porem entre eles terminei 2 e sempre voltava pois ela me ligava chorando e falando que iria se matar e ficava noites sem dormir por minha culpa e dizia que nunca viveria sem mim. eu voltava mais por do mas tbm amava ela.
porem eu tinha motivos para terminar que seria o grande defeito dela, que era se cansar de mim. nos ficávamos em chamada conversando e jogando para no divertimos, ela conversava com migo 1 semana e raramente 2, depois ela derrepente sumia e nao me respondia em nenhuma rede social. e toda vez q eu prescisava dela por problemas muito dificeis ela n estava la nem me respondia, depois de 1 mes ela voltava e falava que estava cansada de mim e depois voltava esse ciclo eterno, eu ficava extremamente chateada e pensava q todos deviam estar cansados de mim e eu apenas atrapalhavam eles com meus problemas.
Na epoca sofria bullying e me tornei bastante agressiva por alguns problemas familiares ( chegando ao ponto que meu corpo ficava com tanta raiva mas n sabia como resolver isso que travava partes do meu corpo principalmente pé e as mãos mesmo que eu estivesse andando e depois começava a chorar muito). No dia 2 e 3 de fevereiro comemorávamos o nosso primeiro dia que nos conhecemos e que eu quebrei o apontador dela sem querer, fiquei chateada mas superei pois já imaginava a desculpa dela ou talvez ela estaria fazendo um presente pra mim. 2 meses se passaram e eu fiquei assustada e com medo se tivesse acontecido alguma coisa. liguei pro nosso amigo que sabia do nosso namoro ela sempre conversava com ele, e pedi para ele perguntar pra ela oque estava acontecendo! ele me colocou em uma chamada com ela e ela gritou e mandou me tirar da chamada. depois pedi ele um explicação pois ela nem queria pensar em mim. ele me contou que ja fazia 3 dias que ela estava namorando com um menino que ela conheceu entre esses meses que ela n conversava comigo. chorei muito e travei os meus pes e minhas mao or cerca de 30min ( foi o maior tempo que ja fiquei travada ate hj) mas n era de odio mas sim de tristeza.
n vou me bancar a santa n porem confiei no nosso relacionamento e sempre fiz muita coisa por ela mas n recebia o mesmo. pedi ela para me explicar, ela me pediu desculpas mas disse que estava muito apaixonada pelo cara. eu entendo ela, porem n a perdoo por ter feito iss tudo com migo e ter me colocado um par de chifres. Hoje crei um problem que acho que todas as pessoas estavam cansados e me afasto pois n quero de decepcionar estou namorando mas o relacionamento o cara nem se importa comigo e sim em uma prova que vai contecer em 2 anos e creio que so namora comigo pois a minha amiga rejeitou ele e ele n sabe diferenciar oque e amor e oque e amizade ( porem isso e outra historia) e tambem tento conversar com ela porem ela me iguinora e quer q eu de todos os presentes para ela para depois me bloquear. estou pegando todos os presentes de volta, sei que estou sendo infantil porem n consigo... e isso luba e espero que tudo se resolva ( e ainda estou tendo serias crises de anciedade ao ponto de tomar remedios pois estou passando por um momento muito dificil). e isso turma e luba <3 ( postei dnv pq n sei udar o reddit ;-; ) edit: o pior e que um amigo meu sabia que ela tava me traindo, e ainda por sinal falou que ela nunca gostou de mim e apenas queria esperimentar coisas novas
submitted by Anyy-youtuber to TurmaFeira [link] [comments]


2020.08.06 17:02 Anyy-youtuber amor agente se constrói porem nem todos ajudam

ola luba editores e turma que estar a ver.
Titulo: amor agente se constrói porem nem todos ajudam
Sou uma menina e n prefiro falar meu nome
E toda vez que conto essa história meu coração aperta muito! ent desculpe-me pelos erros de português! ent, eu tinha uma amiga que ela viajava muito pois seus pais sempre mudavam para um emprego melhor! ( isso vai ser um pouco importante).com tudo isso eu fui criando um sentimento dentro do meu coração que chamam de amor! entre tanto no meio do ano ela teria que se mudar para Portugal! pois seus pais tinham encontrado um emprego bem melhor! no ultimo dia que nos veríamos eu falei minha paixão por ela, ela tentou namorar comigo pelo menos por um dia mas n conseguia nem segurar a minha mão! com tudo isso terminamos. continuamos contato porem n sentia mais a paixão e ja tinha desistido! mas ela me surpreendeu e em uma chamada de video disse q me amava e que poderíamos namorar mesmo ah distancia. pensei muito e percebi que a paixão ainda existia, não era tão grande quanto antes porem fiquei com a frase "amor agente constrói" minha vó falou isso antes de ficar acamada e eu guardei ( a expressão se n me engano está errada porem conto assim ate hj pois lembro que minha vó amava falar isso <3) ent começamos a namorar. ficamos por quase 2 anos, porem entre eles terminei 2 e sempre voltava pois ela me ligava chorando e falando que iria se matar e ficava noites sem dormir por minha culpa e dizia que nunca viveria sem mim. eu voltava mais por do mas tbm amava ela.
porem eu tinha motivos para terminar que seria o grande defeito dela, que era se cansar de mim. nos ficávamos em chamada conversando e jogando para no divertimos, ela conversava com migo 1 semana e raramente 2, depois ela derrepente sumia e nao me respondia em nenhuma rede social. e toda vez q eu prescisava dela por problemas muito dificeis ela n estava la nem me respondia, depois de 1 mes ela voltava e falava que estava cansada de mim e depois voltava esse ciclo eterno, eu ficava extremamente chateada e pensava q todos deviam estar cansados de mim e eu apenas atrapalhavam eles com meus problemas.
Na epoca sofria bullying e me tornei bastante agressiva por alguns problemas familiares ( chegando ao ponto que meu corpo ficava com tanta raiva mas n sabia como resolver isso que travava partes do meu corpo principalmente pé e as mãos mesmo que eu estivesse andando e depois começava a chorar muito). No dia 2 e 3 de fevereiro comemorávamos o nosso primeiro dia que nos conhecemos e que eu quebrei o apontador dela sem querer, fiquei chateada mas superei pois já imaginava a desculpa dela ou talvez ela estaria fazendo um presente pra mim. 2 meses se passaram e eu fiquei assustada e com medo se tivesse acontecido alguma coisa. liguei pro nosso amigo que sabia do nosso namoro ela sempre conversava com ele, e pedi para ele perguntar pra ela oque estava acontecendo! ele me colocou em uma chamada com ela e ela gritou e mandou me tirar da chamada. depois pedi ele um explicação pois ela nem queria pensar em mim. ele me contou que ja fazia 3 dias que ela estava namorando com um menino que ela conheceu entre esses meses que ela n conversava comigo. chorei muito e travei os meus pes e minhas mao or cerca de 30min ( foi o maior tempo que ja fiquei travada ate hj) mas n era de odio mas sim de tristeza.
n vou me bancar a santa n porem confiei no nosso relacionamento e sempre fiz muita coisa por ela mas n recebia o mesmo. pedi ela para me explicar, ela me pediu desculpas mas disse que estava muito apaixonada pelo cara. eu entendo ela, porem n a perdoo por ter feito iss tudo com migo e ter me colocado um par de chifres. Hoje crei um problem que acho que todas as pessoas estavam cansados e me afasto pois n quero de decepcionar estou namorando mas o relacionamento o cara nem se importa commigo e sim em uma prova que vai contecer em 2 anos e creio que so namora comigo pois a minha amiga rejeitou ele e ele n sabe diferenciar oque e amor e oque e amizade ( porem isso e outra historia) e tambem tento conversar com ela porem ela me iguinora e quer q eu de todos os presentes para ela para depois me bloquear. estou pegando todos os presentes de volta, sei que estou sendo infantil porem n consigo... e isso luba e espero que tudo se resolva ( e ainda estou tendo serias crises de anciedade ao ponto de tomar remedios pois estou passando por um momento muito dificil). e isso turma e luba <3
submitted by Anyy-youtuber to TurmaFeira [link] [comments]


2020.08.02 08:55 D4N1L0B3C4 Meu Maior Mico

Olá luba, editores, possível convidado, animais, plantas e turma que está a ver. Bom eu sou novo então desculpe se errei em algo TITOLU: "confusão que custou um provavel namoro" Bom começa Assim eu estava no meu Colegio e meu melhor amigo gostava de uma garota e eu como um BELO JUMENTO! decidi falar para a pessoa que ele gosta "Mas tambem porque ele pediu MAS vcs vão enteder o porque de eu ser um Belo jumento" então dessidir para dessencalhar meu amigo, so que a garota tinha um irma ........ que as duas eram gêmeas eu falei para a irmã dela "E não nada para diferencialas" então ...... espero que gostem desculpem pelos erros de português Até mais.
submitted by D4N1L0B3C4 to TurmaFeira [link] [comments]


2020.08.01 17:52 Natalia_Richarde2020 O DIA QUE FUI AMEAÇADA DE MORTE PELA EX

oi luba, turma, gatas maravilhosas, papeis assassinados, editores e possível convidado (que quase nunca tem), hoje vou contar minha triste historia de como fui corna e traída por amigos. bom luba essa é a minha primeira vez participando e espero muito que goste da historia.
ps: estou repostando, pq a anterior tinha alguns detalhes faltando e alguns erros de português ( me perdoe se ainda conter alguns), mas sem delongas vamos a historia.
Eu tinha uma amiga e a gente era bem próximas no período do ginásio e aí quando fomos para o 1° ano do colégio (2015) foi quando eu conheci um menino e a gente sempre foi próximos e por mais que ele trocava de turno na escola (por conta de trabalho),mas isso não interferia nossa amizade e nessa época ele começou a namorar essa amiga minha e cara eu shippava eles pra caralho e sempre apoiava e tudo mais, mas quando foi no 3°ano do colégio (2017) eu e esse meu "amigo" ("amigo" pq eu considerava ele mais um irmão) a gente caiu na mesma sala e aí ele sempre me pedia conselhos sobre o namoro pq segundo o que ele me contava, ela era muito infantil no namoro e tinha ciúmes demais e ainda tinha ciúmes de mim e tipo sempre dei conselhos para ele conversar com ela e assim se resolverem e essa amiga minha em vez de chegar em mim e perguntar as coisas para mim, ela simplesmente mandava outras pessoas perguntar sobre minha relação com o namorado dela e bom sempre fui sincera e sempre falei que considerava ele como meu irmão e que eu e ele não tínhamos nada. Mas ela sempre vinha com as criancices e tudo mais e depois dele passar o ano todo nesse chove não molha ele pediu mais conselhos para mim sobre e eu já tinha dado vários conselhos e o namoro deles não melhorava e o mais sensato quando isso acontece é o término (principalmente quando o diálogo não funciona mais) e aí eu falei para ele que se não tinha jeito que ele terminasse com ela, pq eu não queria o meu irmão sofrendo e assim ele fez e nisso começou o inferno, pois, ele começou a ficar com uma outra amiga nossa e ela começou a xingar eu e essa menina para o colégio todo e sempre quando alguém ia tirar satisfação, bom se fingia de que não tava fazendo nada e que os outros queria envenenar ela para nó,s blz os dias foram passando e aí eu e ele começou a ficar mais próximos, pois a gente cantava no mesmo ministério e aí a gente acabou começando a ficar serio e após 1 mês e começamos a namorar e aí a ex dele veio de mimimi para o meu lado sobre ele e dizia que ele amava ela ainda e aí eu contei que a gente tava namorando e tudo mais e que ele já tinha esquecido ela e que era pra ela seguir a vida dela(maldita hora que fui falar isso) essa menina começou a nos perseguir e nesse meio tempo conheci uma menina (meu namorado que apresentou ela)e ela se tornou uma irmã e ela sempre me ajudava em tudo ( guarde essa "melhor amiga/irmã", pois ela é importante), bom essa ex dele começou a nós perseguir e me atormentar e vindo conversar comigo no whatsapp (na maioria das conversas era nós duas brigando) e vinha postando indiretas para mim (e eu como uma boa pessoa retribuía as indiretas, com outras indiretas) e nessa época eu trabalhava e meu namorado sempre ia lá e passava um tempinho lá para me ver, mas teve um dia que ela viu ele lá e foi lá e sentou do lado dele e começou a me provocar tirando fotos dele e postando com legendas fofas e logo depois ela foi na mulher que cuidava do caixa e era amiga dela (essa mulher era bem próxima minha, era quase uma mãe no trabalho, foi ela que me ensinou tudo e me ajudou com tudo sempre, ou seja ela sabia da historia e ela iria me defender e me contar) e essa garota começou a falar que eu tava atrapalhando o namoro dela com ele e falando outras coisas além disso e tentando me envenenar para ela e meio que querendo que eu perdesse meu emprego, mas essa mulher já sabia da verdade e apenas acalmou ela e falou que se ela namorasse ela o pq de quando ele caiu de moto eu que estava lá do lado dele no hospital e não ela e quem cuidou dele foi eu e não ela e outras coisas e nisso ela saiu e a mulher veio conversar comigo e falar o que ela tinha falado e nisso eu comecei a chorar e tudo mais, pois meu psicológico tava totalmente abalado e estava totalmente frustada com tudo ( e também tinha medo dessa menina fazer eu perder meu emprego, pois era meu refugio aquele trabalho e por mais que era difícil lidar com as pessoas, aquele trabalho me fazia esquecer dos problemas em casa e no pessoal) e aí passou um tempo e ela ainda estava atormentando e um certo dia ela veio falar para ele que tava grávida dele (pois eles tinha feito fuc fuc 1 mês antes da gente começar a namorar ou seja, quando a gente estava ficando serio) e aí ele veio até mim e me contou tudo e eu perdoei ele e aceitei ele mesmo tendo um filho com ela e que estaria aqui para ajudar ambos no que precisar e umas horas mais tarde ela apareceu e começou a forçar ele a terminar comigo e ele falava que não ia terminar e ela ficava insistindo e aí eu perdi a cabeça e comecei a discutir com ela no meio da praça e todos olhando (puta vergonha que passei), mas aí como eu vi que ele não estava bem parei de discutir e ele foi conversar com ela e até que conseguiu fazer ela ir em bora e ai ele decidiu não assumir a criança, porém ajudar financeiramente ela e ela não aceitava essa ajuda nossa e fazia altos dramas ( de como ia ser o filho dela sem pai presente e tudo mais) e até que um dia a gente fez ela fazer exame para a gente realmente saber se era verdade a gravidez (como ela tinha uma certa fama de destruir relacionamentos dos outros, a gente foi ter certeza se procedia a história) e aí no dia que eles marcou os exames, meu namorado ia com ela neh, porem ela não esperou ele e tirou sangue sem ele e isso aí já fez a gente suspeitar da procedência do exame (pq o laboratório não era tao confiável), mas aí passou uns dias os resultados chegaram e dizia que ela tava realmente grávida e ainda sim existia a dúvida de ser dele e ela ainda continuava infernizando a gente e aí sempre que eu pedia conselhos para aquela "amiga" minha, ela sempre falava para mim terminar com ele e nunca me apoiava e tudo mais e isso me fez ter um pulga atrás da orelha sobre fidelidade dela (mesmo ela falando que ele não fazia o tipo dela, pq ela pode estar mentindo e a fama dela não era tão boa assim, tanto que tinha vindo pessoas me alertar sobre ela) e comecei a ficar esperta, pq meu namorado sempre que a gente ia sair ele gostava de passar na casa dela e tudo mais (e também comecei a ficar alerta, quando meu cachorro avançou nela, sendo que ele é amoroso e tem teorias de que cachorro tem o sentido de descobrir que não tem boas intenções e isso já me deixou encafifada e também teve um dia que a gente foi na casa dela e eu meio que me senti excluída ) e aí um dia a gente marcou de ir eu, meu namorado e a ex dele para a gente sentar e conversar sobre e bom esse dia chegou e após muita discussão ele me escolheu e ela não queria aceitar e começou a fazer chantagem e ainda mandando indiretas para mim por celular e a gente discutia sempre no whatsapp e aí teve um dia que ele foi por um ponto final e aí ela me ameaçou de morte e tudo mais (pse ele gravou um áudio sem ela perceber e ela me ameaçava e falava que se ela não podia ficar com ele, que eu não ia ficar e que ela poderia ir pro inferno por me matar, mas ela não se importava) e quando descobri isso fique desesperada e com medo e com raiva por ele nunca por um ponto final e tudo mais e isso tava me fazendo perder muito cabelo e eu ter crises de ansiedade, pois estava aguentando essa barra toda sozinha, pois não tinha apoio de ninguém (minha mãe sabia do namoro, porém nunca fui de dividir os problemas com ela e ela amava meu namorado) e aí um dia a ex dele teve um aborto espontâneo e aí ela parou de nós infernizar (esqueci de falar que ela sempre falava que ele só está a comigo para fazer ciúmes nela e tudo mais kkkk sendo que ele odiava ela) e aí a gente começou a ter paz, porém ele começou a ficar mais distante (ele falava que eu era a que tava distante, sendo que eu sempre fazia textinho e ele sempre falava as mesmas coisa que ''ele estava surpreso e não sabia o que dizer'' e demais desculpas esfarrapadas e até gastei 150 reais em uma aliança nova, pois eu tinha perdido a outra numa viagem e cara sempre fazia surpresas eu dava 100% de mim e ele nem 50% dele e isso me deixava muito triste e insegura comigo mesma) e um dia ele foi trabalhar em uma festa e aí ele me traiu com uma outra amiga nossa e ele falou que não foi culpa dele e que a menina que tinha beijado ele e tudo mais (e eu a trouxa perdoei)(esse rolo todo foi em 2018) e aí o ano passou e faltando 2 semanas para acabar fevereiro de 2019 ele me pediu um tempo e nesse período aquela minha "amiga" começou a postar fotos com ele com legendas fofas e tudo mais e era todos os dias praticamente e aí eu me afastei dela e aí nesse período saiu o resultado do meu vestibular e eu consegui passar aonde eu queria e aí eu e meu namorado marcou de conversar e resolver o nosso namoro (pq eu tava quase indo para outra cidade por causa da faculdade) e a gente foi no dia que a gente completava 1 ano de namoro e aí ele chegou deu feliz 1 ano e aí começou a falar que me amava,mas que ele tinha medo de eu ir para outra cidade e trair ele ou conhecer alguém melhor que ele e tudo mais (sendo que qualquer babaca seria muito melhor que ele e serio eu trair ele? esses medo era pq ele era o infiel da relação)e aí ele falou que se eu queria terminar com ele e aí eu falei que seria melhor a gente terminar, pq se pra ele nosso relacionamento a distancia não ia funcionar, então para que continuar e aí ele veio me abraçou e começou a chorar, porém percebi que aquele choro não era muito verdadeiro e aí eu chorei vindo para casa, mas era um choro dele alívio e um pouco triste por ter que contar para minha mãe que a gente tinha terminado, pois como a gente terminou eu estava tranquila que eu não iria sofrer mais e assim iria para outra cidade e não precisarei conviver com aquelas pessoas e aí alguns meses após o término meu ex veio conversar e pedir desculpas por tudo que ele tinha feito e pedir uma segunda chance, pois ele tinha se arrependido de tudo (pq ele tinha namorado e essa menina tratou ele tão mal, quanto ele me tratou e aí ele se deu conta das merdas que ele fez com quem realmente amava ele e que sempre cuidou e quis seu bem), porém após esse término eu comecei a ter mais alto estima e perceber que eu merecia alguém muito melhor e que ele e aí eu naturalmente dei um fora (ele começou a falar coisas do tipo ''você fazia cursinho fora e você acha que eu não iria desconfiar de algo'', insinuando que eu tinha traído ele e eu me estressei e comecei falar e por pra fora tudo e ai ele viu o quão errado ele estava) e uns dias depois um amigo meu veio me contar que esse ex meu tinha ficado com essa "amiga" minha um pouco depois que a gente terminou e eu fui e perguntei para ele e ele me confirmou e aí eu cortei minha amizade com aquela "amiga" e aí ele queria continuar a amizade comigo e eu aceitei, porém sempre fui fria e aí ele veio reclamar que eu não era a mesma e que eu estava fria com ele e aí eu falei que depois de tudo ele queria ainda que eu fosse igual com ele e fingisse que tava tudo ok e aí ele parou de falar comigo, por atualmente eu já os perdoei e queira que ele sejam feliz, contei para minha mãe os reais motivos de eu ter terminado com ele uma semana depois de ter me mudado para outra cidade, pq eu não tinha coragem de contar cara a cara e aí lubinha atualmente eu encontrei alguém que realmente me ama e me valoriza do jeito que sou e sempre me anima e sempre está disposto a tudo por mim, tanto que foi ele que me apoio a vir contar para você essa historia (eu e ele te assiste e então sempre que a gente joga a gente usa algumas frases suas), bom lubinha tenho algumas prints das conversas e queria muito poder deixar aqui para você ver, mas não sei como faz para colocar kkkk, a já ia esquecendo de contar que essa ex namorada dele sempre tentava fazer meu amigos se virarem contra mim, porem não conseguiu e então é isso lubinha essa é minha historia de quando fui traída em um relacionamento e em amizades . bjs lubinha e obrigada por todas as noites de diversão que você me proporciona (principalmente com o quadro nice mendigos e sempre coloco eles quando estou com crise de ansiedade ou insonia, pois me ajuda a acalmar e dormir) e caso queira julgar quem foi o babaca da historia pode ficar a vontade (apesar de eu achar que todos foram kkkkk). é isso lubinha,bjs e desejo todo o sucesso do mundo para você, seus editores e turminha. então é isso bjs lubinha, amo você.
submitted by Natalia_Richarde2020 to TurmaFeira [link] [comments]


2020.07.25 04:08 pandxxgcf Fui corna várias vezes

Olá luba,turma que estar a ver,editores que eu amo,gatinhas do luba,papelões,possível convidado,oi pra todos (ja vou logo pedindo desculpas por algum erro de português)..essa é minha primeira vez aqui na turma feira,bom sem enrolações vamos lá :) Essa minha história começou em 2019 la no início do ano,conheci uma pessoa vamos chama lá de egirl,conheci a egirl na escola,nos viramos muito amigas e afins,ate q eu comecei a sentir algo a mais por ela,ate que decide me declarar pra ela,no começo só ficamos,ate que ela me pediu em namoro eu fiquei super feliz e óbvio que eu aceitei,acho que com alguns meses de namoro ela começou a ficar estranha comigo,tentei ignorar isso,até que certo dia ela me disse que iria assistir um filme com uma "amiga" (vamos chama ela de Dora) ela e a dora foram assistir o filme,eu me lembro que era ate vingadores kkhj,ela postou várias coisas fofinha nos status do whatsapp falando sobre essa Dora,eu mandei mensagem pra egirl mas ela simplesmente me ignorou,isso ficou por semana!ate na escola ela fazia isso,depois disso ela chegou comigo e conversou disse que estava namorando a Dora desde uma semana do nosso relacionamento,eu fiquei super triste chorei litros,eu estava tão apaixonada por ela que acabei indo pro hospital,depois desse acontecido a egirl e a dora resolveram assumir o relacionamento,eu acabei "superando" o que eu sentia pela egirl,elas duas namoraram durante meses,ate que um dia ela simplesmente falou pra mim que ainda me amava e queria que eu voltasse pra ela,eu burra voltei,nos só ficamos namorando durante algumas semanas,depois disso descobri que ela estava me traindo com essa mesma garota a dora,fiquei puta e muito triste,eu fiquei sem falar com ela durante meses,depois disso ela e a dora terminaram o relacionamento,certo dia essa tal de egirl mandou mensagem toda amorzinho pra mim,trocam os mensagem e voltamos a nos falar,no começo desse ano ela disse que ainda tinha sentimentos por mim,e eu de novo voltei com ela,e depois de mais meses descobri que ela estava me traindo com um guri,fiquei de novo mais uma vez sem falar com ela,e voltamos a nos falar,ela tentou voltar comigo varias vezes só que eu disse pra ela que eu não sentia mais nada por ela,ela havia me machucado muito e eu realmente gostava dela,ela simplesmente ficou muito puta comigo e virou uma nice girl disse coisas horríveis pra mim,depois de alguns dias falei para meus amigos que estava em um relacionamento serio,a egirl ficou puta comigo,nao falou comigo durante dias mais eu tbm nem liguei,ela me mandou mensagem dizendo DE NOVO que gostava de mim >>mesmo estando em um relacionamento com aquele guri<< eu disse que não,e ela meio que aceitou de boas,e hoje nos somos amigas. Foi isso luba espera que você tenha entendido esse bagunça toda kkjjkk,te amo <3
submitted by pandxxgcf to TurmaFeira [link] [comments]


2020.07.25 03:23 meguel40028922 SOU BABACA DE TER "IGNORADO" A MINHA "AMIGA"?

Olá luba, gatas, pets da turma, turma, e possível convidado ent minha história é essa:
Esse ano eu mudei de escola por any motivos mais vamo lá já no meu primeiro dia eu conheci algms alunos novos e tals ai eu e eles fomos virando amigos eu fui me aproximando de outro grupinho de alunos novos e velhos na escola aí foi aí naquele grupo eu virei mt amigo de uma menina vamos chamar ela de CARLS pq dps que eu e aquele grupinho fomos no shopping eu e a carls fomos nos aproximando e tudo isso aconteceu em fevereiro aí em março eu e a carls viramos mt amigos e a gente se falava todos os dias eu tava mt bem comparado a 2019 (O pior ano da minha vida mais fica pra outra história) mas de vez em quando eu tinha umas "recaídas" eu ficava mal com tudo comigo com a minha vida e eu nn prestava mta atenção no meu celular aí de vez em quando eu dava um vácuo em uma pessoa sem querer dps eu explicava e tals aí chegamos no terrível 5 de junho q eu tava em desses dias e a carls me mandou um áudio (isso em uma sexta feira) e eu cliquei sem querer no marcar como lida na barra de notificação aí eu pensei depois eu ouço aí deixei o celular de lado e fui fazer minhas coisas ai dps eu voltei pro meu cell pq me mandaram um monte de mensagem aí entrei no Whatsapp vi as conversas e sai não deu 2 minutos a carls me manda mensagem puta pq eu nn respondi e tals e naquela hora eu tinha brigado com o meu pai ai eu falei "ai amiga eu tô mal pq briguei com o meu pai" ai ela falou "e oq eu tenho a ver com isso?" Sendo q TODOS os problemas q ela tinha com a mãe sla eu ajudava eu fica conversando com ela e qnd eu briguei com o meu pai ela nem liga aí eu expliquei tudo certo e ela nn me respondeu o dia todo aí eu pensei a ent tá nn vamos conversar aí no domingo eu fiquei pensando nisso e fiz um texto gigante falando de TUDO de ruim q eu tava passando e tals e tbm falei q eu nn tava tentando tirar a culpa de mim eu sei q eu fui "descuidado" com todos os meus amigos ai ela nn me respondeu aí na terça eu e o grupinho q eu já falei estávamos conversando no Whatsapp e fazendo teste do buzzfeed aí eu mandei três testes e a carls falou "mnn pra de mandar teste tá chato faz só vc" aí eu coloquei mais só foram três e uma figurinha aí ela colocou "haha mt engraçado 😐" aí eu fiquei tipo Mano precisava? E tava todo mundo fazendo os quizes e mandando resultado aí outra amiga do grupinho vai ser a sarls me mandou uma mensagem aí como eu tava com sdds dela a gente ficou conversando aí eu contei oq tinha acontecido entre eu e a carls e ela ficou do meu lado no início mais aí do nada ela me bloqueou e outra amiga tbm bloqueou e dps por outra amiga eu descobri q a carls tinha falado pra sarls e pra outra amiga q eu ia ficar grudento nelas e falou q era melhor elas me bloquearem aí eu falei com a outra amiga no insta e ela foi super grossa aí eu desencanar disso aí dps eu comecei a voltar a falar com o meu mlr amigo(Q tava sem cell) q já "namorou" a carls por um tempo aí eu contei toda a história e ele ficou mt bravo com a carls por isso e por que no namoro a carls fingia gostar do meu mlr amigo aí ele foi falar com a carls e aumentou algumas coisas exagerou mas pq ele tinha ainda ressentimento do "namoro" é a carls me desbloqueou e veio falar um monte q eu tinha distorcido os fatos q eu tinha colocado ela como a vilã aí eu expliquei tudo pra carls q ele ainda tava mal do "namoro" aí a carls tipo Okei legal e me bloqueou de novo ai agr 2 semanas depois de tudo eu e o meu mlr amigo brigamos com basicamente todos os nossos amigos e só tem eu e ele e eu tbm me sinto mal de vez em quando.
eu sei q a carls assiste a salrs tbm e se estiverem desculpa por isso
Ent turma é isso desculpa pelo texto longo Mais ent eu sou o babaca por ter dado o vácuo nela? Edit: desculpa pelos erros de português
submitted by meguel40028922 to TurmaFeira [link] [comments]


2020.07.09 17:03 BatataC9 O tóxico do pãozinho de queijo

{o título tá uma merda perdão} Olá Lubixco, gatas, falecidos papelões, falecida barba, possível convidado (q n existe) e turma q está a assistir (Sou baiana ent.. fique avontade Lubitho)
Bem, hj eu vim contar uma história q aconteceu qnd eu tinha 11 anos, ela envolve, ex tóxico, melhores amigas violentas, mijo nas calças, e muito choro kkkkkkk
Enfim, vamos lá, (Detalhe importante, eu tenho um grupinho, com 3 melhores amigas, nos conhecemos desde pequenas, duas delas estudam na msm escola q eu), eu estava no 7° ano e tinha uma amiga da condução, vamos chana-la de Tatá, a Tatá era do 6° ano, e eu as vezes andava com os amigos dela, entre esses amigos, tinha um garoto q eu achava bonitinho, cmç a conversar mais com ele e percebi q ele era mt legal, dps de um tempo me aproximando, 1 ou 2 meses percebi q estava gostando dele, contei para a Tata e pedi ajuda pra saber se ele gostava de mim, uma semana se passou e ela me disse q ele gostava de mim, eu fiquei super feliz né, dps de mais um tempo conversando, eu dei um selinho nele pra ver se ele se tocava q eu gostava dele
Alguns dias dps desse selinho, ele me pediu em namoro (foi bem fofinho) eu aceitei, no cmç era incrível, ficávamos juntos no recreio sempre, apresentei ele pros meus amigos, e tals, MAAAS, dps de um tempo, ele ficou frio, grosso, n queria ficar cmg, me tratava mt mal, marcavamos de nos encontrar no recreio chegada ou saída e ele me dava bolo, dps dava uma desculpa idiota (E eu como boa trouxa q eu sou, aceitava numa boa) entre outros 5 meses se passaram e eu ainda estava com ele, no dia em q fizemos 5 meses juntos, eu escrevi várias mensagens fofas, comprei pão de queijo, e uma caixa de bombons (Pus as mensagens grudadas nos bombons) e fui pra escola
Chegando lá, ele ME IGNOROU COMPLETAMENTE, falei com ele e ele me tratou super mal, me empurrou e disse
"Pô cara me deixa em paz, n tá vendo q eu tô ocupado caralh*"
Fiquei mt chateada, sou uma pessoa sentimental e qualquer coisa eu tô chorando, segurei minhas lágrimas e fui pra minha sala, na hora do recreio fui até ele (com meu pão de queijo na mão) e nós brigamos feio, terminei com ele dizendo q não aguentava mais ser tratada daquela forma, q ele era tóxico, idiota e ridículo, ele pegou o meu pãozinho, TACOU EM MIM! e saiu, fiquei revoltada, mas ainda triste, chorei o resto do dia e pra infelicidade do sujeito, minhas amigas viram
No fim da aula, eu estava muito triste ainda, a escola tava quase vazia (minha condução chegava atrasada), eu tava em um banco da pracinha ouvindo música, qnd a Tata chega correndo e me solta "Amg, tão batendo no "Carls" vem cá!!!"
Eu fico confusa, tipo oq eu tenho a ver, mas vou com ela, ainda cabisbaixa, chegando lá, na parte de trás da escola, onde tem umas mesinhas, tá as duas meninas q eu falei no início (vamos chamar de Lu e Beh) e uma amg nossa (vamos chamar de cagada, história pra dps kkkkkk), além do menino, q tá sentado na mesinha, obrigado!
Elas cmç a bater nele, mandando ele me pedir desculpa, ele tava chorando já, elas tinham 15 e 14 anos e o garoto, 11, ele me pediu desculpa chorando, elas fizeram ele dizer "Eu sou um idiota, ridículo e pa* no [email protected]" O garoto estava tremendo de medo já, tinha gente até gravando, dps de tudo, cada uma das minhas amigas deu um soco nas costas dele e falaram pra eu dar tbm, sou contra violência ent neguei, falei q aquilo era desnecessário, n posso negar, ri um pouco mas dps pensei q elas eram mt mais velhas e já tava ficando ridículo aquilo, Lu (q é a mais velha) deu um soco nele "por mim" e dps soltaram o msm, q foi correndo pro banheiro, os amgs dele q souberam oq teve dps foram pro banheiro atrás dele e voltaram dizendo q ele tava chorando mt e q tinha SE MIJADO!!!
Sai correndo e me tranquei no banheiro, me senti muito culpada por aquilo, o garoto tinha 11 anos, msm me fzd mt mal, n acho q merecia isso
Qnd a condução chegou entrei sem olhar pras minhas amigas, sentei sozinha e fiquei ainda com aquela culpa, qnd cheguei em casa pedi mil desculpas pelas minhas amigas para o garoto pelo wpp (elas ainda me chamam de trouxa por isso), ele respondeu falando q eu era uma puta vadia dos infernos, hj estou bem, mas na época, fez eu me sentir mais culpada ainda
É isso Lubinha, espero q tenha gostado, obg por ler, desculpa se ficou MT grande e por qualquer erro de português kkkkk foi a minha primeira vez aqui, sou muito sua fã, vc é meu Youtuber preferido, amo vc, bjs menor q treixxxx
submitted by BatataC9 to TurmaFeira [link] [comments]


2020.07.09 13:46 LeonorUwU Meu ex psicopata que não superou o término

Olá Luba, editor, falecidos bonecos de papelão, gatas e público que está a ler :D então hoje eu vou contar a história de um dos meus piores relacionamentos passados( tem treta, violência, boatos falsos e muito mais) ps: Luba eu sou de Portugal estou tentado adaptar a minha história para português do Brasil :).... Então tudo começou quando eu estava por volta dos meus 10/11 anos. Na época eu tinha decidido entrar no grupo de escuteiros da minha cidade, pois parecia muito legal e tinha alguns amigos lá e tals. Quando eu comecei a frequentar o grupo, eu conheci um garoto (vamos chamar ele de Carls), e imediatamente fiquei amiga dele pois ele era muito simpático e era amigo dos meus outros amigos. Algumas semanas se passaram, e o nosso grupo de escuteiros participou numa procissão. A gente estava lá e tals, e teve uma hora que a gente parou. Nessa hora eu e os meus amigos incluindo o Carls, fizemos uma rodinha e começamos a jogar joguinho e de criança (que na época era verdade ou desafio) então do nada os meus amigos começaram a falar que tinha um garoto do grupo que estava gostando de mim. Eu fiquei muito curiosa e confusa ao mesmo tempo pois eu apenas frequentava o grupo fazia poucas semanas. Daí eles me falaram que o garoto que estava afim de mim era o Carls. Eu pensei para mim mesma (OK tudo bem, mas eu não sinto nada por ele, apenas somos amigos e nada mais). Então a gente retornou para a procissão e os meus amigos não paravam de falar que eu tinha que ficar com ele porque ele gostava muito de mim e eu não poderia recusar. Então alguns dias depois ele me pediu em namoro, mesmo a gente não se conhecendo muito bem, eu aceitei devido às obrigações que meus amigos me impuseram. (eu era uma criança muito burrinha :/). A gente começou a namorar e todos os dias ele ia me procurar na escola, e ficava perguntando para todo o mundo onde eu estava pois ele precisava de estar comigo toda a hora. No inicio eu não vi nada de errado pois achava que era coisa de namorado, mas então alguns dias depois o nosso grupo de escuteiros fez um acampamento, que foi muito legal inclusive, mas os meus amigos ficavam toda a hora falando coisas do género (AH SE BEIJEM! DÊM AS MÃOS) eu estava ficando meio cansada disso. No último dia do acampamento a gente voltou para casa de ônibus, eu sentei do lado dele por pura obrigação. Então eu tentei conversar com ele para melhorar um pouco o clima. Eu decidi perguntar quais eram os seus maiores sonhos, e ele respondeu (MEUS MAIORES SONHOS SÃO ME CASAR COM VOCÊ E TER FILHOS COM VOCÊ!) após ele falar isso eu tive a certeza de que o Carls estava obesecado por mim, e não era normal falar esse tipo de coisa para uma pessoa que você conhece FAZ NEM UM MÊS. Eu decidi por mim mesma que não queria continuar com aquilo, pois não era saudável, ele parecia um stalker psicopata, que ficava me seguindo para todo o lado e não deixava eu falar com outros garotos. Após algumas semanas eu tomei coragem e terminei com ele... Não fui capaz de dizer a ele diretamente, por isso pedi à minha amiga para falar para ele que eu queria terminar (O QUE FOI UM GRANDE ERRO). Algumas horas depois, umas meninas da sala dele me chamaram no banheiro para conversar , e feita burra eu fui, quando cheguei na zona em que a turma do Carls tinha aula (a gente estava separado por turma) um amigo dele ME EMPURROU COM TODA A FORÇA CONTRA UM CACIFO ESCOLAR, e o impacto fez com que eu quase QUEBRASSE MEU BRAÇO. Logo após ele ter me agredifo ele falou (PORQUÊ VOCÊ TERMINOU COM ELE SUA IDIOTA!? VOCÊ ERA MUITO IMPORTANTE PARA ELE E NÃO TINHA O DIREITO DE TERMINAR COM ELE >:(...) eu fiquei muito assustada e entrei a correr para dentro do banheiro femenino para falar com as tais meninas da sala dele. Quando eu entrei ELAS ME RODEARAM E ME OBRIGARAM A FALAR O PORQUÊ DE EU TER TERMINADO COM O MENINO. Eu imediatamente comecei a chorar, e expliquei para elas tudo o que Carls fazia, e ele parecia meio psicopata. Elas me compreenderam e me deixaram ir. Depois disso eu fui para a minha aula e me falaram que Carls passou a sua aula inteira chorando e que a culpa disso tudo era minha E QUE EU ERA HORRÍVEL. Depois da aula me chamaram denovo mas dessa vez tinha sido um amigo do Carls, quando eu cheguei na turma dele, ESTAVA TODO O MUNDO REVOLTADO COMIGO, PORQUE O IDIOTA DO CARLS REVOLTOU TODA A SUA TURMA CONTRA MIM, eu estava assustada com todos aqueles olhares ameaçadores, e perguntei o que estava acontecendo e o porquê de todos estarem me olhando daquele jeito. Em seguida uma menina me falou que o Carls tinha espalhado o boato de que EU TINHA DEIXADO ELE POIS EU ESTAVA APAIXONADA POR OUTRO MENINO DE OUTRA SALA( o que era totalmente mentira) E TODOS ME FICARAM ENCARANDO COMO SE EU FOSSE UMA FALSA. Eu tentei falar para todos eles que era mentira e que o Carls era demasiado apegado a mim e que eu não me sentia confortável com aquele relacionamento "abusivo" e falei que estava namorando ele por PURA OBRIGAÇÃO, e nunca falei que estava 'apaixonada' por ele. Na hora ninguém acreditou, pois ele tinha espalhado aquele boato de uma maneira que me fez passar PELA MÁ DA HISTÓRIA. Semanas se passaram e eu cortei o contacto com as pessoas daquela turma. Tinha algumas pessoas lá (mais ou menos 3) que ficavam me falando que o Carls chorava em TODAS as aulas e os professores estavam ficando fartos do seu choro irritante. Meses se passaram e as coisas acalmaram. As pessoas da turma dele deixaram de me olhar como má da história, e começaram a perceber que aqueles boatos eram mentira, e que eu estava sendo obrigada a estar com ele. ANOS SE PASSARAM, e eu tentava recuperar a minha amizade com ele, porque eu sei que embora ele tivesse aquele lado meio psicopata, ele até era um garoto legal. Eu e Carls meio que recuperamos a nossa amizade, mas ele me propôs vários pedidos de namoro denovo.... E teve um em específico em que ele falou que se eu não aceitasse, ELE NUNCA SERIA FELIZ E QUE PODERIA TIRAR A PRÓPRIA VIDA..... e tudo isso quando a gente era criança. Os anos se passaram e a gente continuava falando mas eu tentava não lhe dar expectativas para ele conseguir perceber que eu não queria nada com ele. Enfim essa foi a minha estória.... Foi meio nhe, mas espero que tenha entretido vocês :D beijos <3
submitted by LeonorUwU to TurmaFeira [link] [comments]


2020.07.03 22:42 fazumquibi QUANDO FUI ASSEDIADA PELO NAMORADO DA MINHA AMIGA NO ÔNIBUS A CAMINHO DA FACULDADE

Olá Luba, espero que esteja tudo bem contigo, olá editores espero que estejam bem, olá gatas, resto de papelões, microfone, porta e computador, começo perdido perdão pelos erros de português. Em 2019 eu com meus 17 anos estava iniciando minha jornada na faculdade, escolhi fisioterapia, eu queria que minha amiga fosse no ônibus comigo e me levasse até minha sala, sim sou insegura a esse nível, acabou que o namorado dela pegaria o mesmo ônibus que o meu, semanas se passaram e ele ia sentado ao meu lado, sem conversar, cada um ouvindo música em seu fone, até que um dia ele me perguntou se eu via animes e eu falei sobre attack on titan e outros animes que já vi, ele começou a conversar comigo sobre animes, jogos de computador, sobre os vídeos do Luba e outros youtubers, eu via os vídeos do Luba no ônibus, um dia ele me pediu se poderia ver comigo, eu me odeie por não dizer não, mas eu não consigo dizer não para as pessoas, ele passou a me comprar doces (ele trabalha em uma loja de doces), eu tentava negar mas ele dizia que eu iria sentir fome durante as aulas e colocava o doce na minha mão, o mesmo contava tudo da vida dele e da namorada, que iriam se casar e essas coisas, uns meses depois, estávamos ele e eu indo para a faculdade como sempre, mas eu estava ouvindo música e ele sem fazer nada, mas ele simplesmente passou a perna por cima da minha, eu me senti horrível com isso, mas ele ainda teve a audácia de passar a mão na minha coxa, eu quis chorar nessa hora, ele chegou perto do meu ouvido e disse " esse é nosso segredinho tá?", bom depois disso fui para a sala e digitei no celular o que aconteceu para a minha amiga, quando ela chegou mostrei pra ela e comecei a chorar, logo depois liguei para minha mãe e meu pai foi na faculdade me buscar depois da aula, o assediador me ligou perguntando se eu não ia no ônibus e eu só desliguei na cara dele, em casa eu chorei demais, não consegui dormir, fiquei acordada a madrugada inteira, peguei meu celular e fui no chat com a Bars ( a namorada do babaca lá), disse tudo o que tinha para falar, ela me perguntou várias coisas e depois não me respondeu mais, um tempo depois me mandou uma mensagem de que não queria me encontrar na faculdade pois quando ela estava brava ela vira outra pessoa, minha mãe entendeu essa mensagem como uma ameaça e perguntou se eu não queria ficar em casa, mas eu fui pois tinha matéria importante, nesse dia na facul eu esperei minha amiga no portão e graças a Deus não encontrei com a maluca possuída, eu esqueci desse assunto e tentei não me culpar, eu nunca quis que isso acontecesse, somente tinha feito um amigo no ônibus, mas ele queria algo a mais aquele nojento, nesse ano em fevereiro eu comecei a fazer aula de Zumba e a Bars também, ela começou a falar comigo e eu tentei esquecer que ela me ameaçou, mas ela não parecia ter engolido aquele assunto já que queria que eu fosse até sua casa conversar com seus pais porque segundo ela, os seus pais não gostam de mim pelo que "eu" fiz, eu só disse que não tinha nada para falar sobre aquilo e ela parou de falar comigo, a mais ou menos dois meses atrás uma amiga dela que é minha amiga também me disse que eles terminaram o namoro, segundo uma prima do namorado assediador, ele era muito safado para o lado das meninas e tinha fama de pegador, não se como pq ele era bem feio, para ser galã e pegador no mínimo precisa ser o Luba, enfim essa foi minha história, não me sinto mais mal por isso, mas gostaria da sua opinião sobre Lubisco, te amo, amo os editores, que Deus abençoe as suas gatas e todos vocês <3
submitted by fazumquibi to TurmaFeira [link] [comments]


2020.06.28 12:39 NayhAlmeida Sou babaca por não contar para minha família que estou a um ano morando fora do Brasil?

Olá galera, criei essa conta só para contar essa história. Desculpe os erros de português,estou muito nervosa e me sinto muito estranha contando isso.
Me chamo Nay, mas vou preservar minha família dessa exposição então não usarei os nomes deles. Nasci de uma gravidez indesejada, não convivo com meu pai e minha mãe me deixou com minha avó para viver com meu padrasto, pois na época ele exigiu que eu não existisse entre os dois, então eu morava com minha avó, meu avô, meu bisavô João e meu tio. Minha família é muito conservadora, é de interior de Minas e é muito fervorosa religiosamente, com isso eles sentiram muita raiva da minha mãe com isso tudo, na época meu tio tinha 15 anos e era o prodígio da família, pois iria ser padre, e meus avós faziam de tudo por ele até eu nascer e tomar toda essa atenção e cuidados, meu tio ficou muito irritado alguns primos falam que ele falava que eu estava dormindo quando pequena só para que as amigas da minha avó não fosse me visitar, o tempo passa eu já com 12 anos e meu tio foi "rejeitado" na escola dominical com decidiu fazer faculdade, mas meu bisavô decidiu em vez de ajudar ele nos custos e essas coisas, que teria prometido antes, ele me colocou em um Colégio particular bom da minha cidade, pagar cursos de pintura (que amo) e essas coisas, meu tio ficou com muita raiva de mim e quando todos não viam ele me batia e fazia com que tudo de errado da casa caísse sobre mim, exemplo quem quebrou isso? Deve ter sido a Nay, minha avó não gostava das minhas atitudes já que eu não ia a igreja com ela, detestava rezar o terço e isso piorava com o que meu tio fazia, meu bisavô morreu quando tinha 12 anos e então esse ano foi péssimo entrei em depressão, todos me acusavam de não dar valor o que meu bisavô fazia, por conta de não ir com ele na igreja, enfim repeti na escola por faltar, pois nem a aula queria ir emagreci, tentei coisas contra minha vida, mas minha avó achava isso frescura de adolescente querendo aparecer. Daí pra frente minha vida foi um inferno, comecei a trabalhar em um emprego de meio expediente depois das aulas, minha avó começou a exigir que eu pagasse contas da casa para ajudar, mas com tempo ela começou a exigir que eu pagasse a estadia, que se eu morasse ou estivesse em hotéis eu estaria pagando mais. Então eu pagava tudo com contas equivalentes que minha avo fazia, tipo conta 300 dividia por moradores e eu pagava minha parte.
Nota: ate meus 15 anos.
A mãe de uma amiga minha ficou mal com aquela situação que eu passava e perguntou se eu queria morar com ela em Belo Horizonte, juntei meu dinheiro e fui, minha família deu graças por não ter esse peso, meu tio na época morava sozinho com seu amigo no rio de janeiro já estava formado na faculdade e trabalhava lá.
Passada uma semana que estava em BH fiquei sabendo que a cidade toda estava de fofocas, principalmente nos eventos da igreja que minha avó ajudava, sobre minha família ter me "expulsado de casa", pois era assim que eles pensavam, fofoca ne, então minha avó começou a me ligar pedindo pra que voltasse que tudo iria mudar, mas eu já estava bem, trabalhava meio período, estudava e adorava ter paz quando chegasse em casa, minha avó começou a me chantagear falando que se eu não voltasse ela iria morrer e dramas dessa forma, que estava mal por não estar comigo. Então numa tentativa desesperada minha avó fingiu estar mal e pediu o médico que a internasse no hospital para fazer exames, já que ela estava muito mal, sim na minha cidade alguns médicos fazem TUDO que você pede se pagar. Então nessa hora meu tio me liga dizendo que se eu matasse minha avó ele iria ate no inferno me buscar, fez um escândalo com a mãe da minha amiga dizendo que eu fugi de casa, publicou isso em todas as redes sociais com minha foto, falando que eu era a pior pessoa do mundo pra minha família que minha avó estava doente por conta minha, detalhe que naquela época eu tinha no meu Facebook meu chefe e amigas de trabalho, então fui demitida em uma conversa estranha sobre eu ser uma pessoa melhor e voltar pra minha família, chorei muito e voltei. Quando cheguei minha avó estava em casa com a cara mais plena do mundo, falou que não sabia que meu tio fez aquilo, que ela não pediu isso e que ela nem estava tão mal assim, que não tinha culpa e eu voltei por quis, dai pra frente no natal e reuniões de família eu evitava meu tio, minha avó vê meu tio como o menino de ouro dela que nunca a decepcionou então para ela meu tio fez certo. Dai até os meus 18 anos trabalhei e estudei, pagava a minha moradia e não tinha amigos, pois para minha avó ninguém tem amigos e que amigo é só Deus, que todos me invejavam e essas coisas então minha avó arruinava minhas amizades falando e fazendo coisas e depois fingindo que não fez. Chamava minhas amigas de vagabundas quando eu não estava em casa para não me chamarem que eu não ia sair com aquele tipo de gente.
Então com 18 anos conheci meu ex ele morava em outra cidade no caso uma cidade universitária, ele estudava lá, mas ele nasceu na mesma cidade que eu então a gente se conheceu por isso, expliquei para ele como era minha família porque sei que não é fácil pensar isso deles já que são muito ligados a igreja e a família dele também, vou pular uma parte longa do começo do nosso namoro até ele descobrir os podres da minha avó pois não é o foco, enfim eu fui fazer faculdade na mesma cidade que ele, consegui auxilio alimentação da universidade e moradia então morava no campus e comia lá, era bem puxado pois fazia matemática e dividia quarto com mais 3 pessoas que nem conhecia, mas era necessário eu queria ter paz na vida, eu não entrei na faculdade por querer algo como me qualificar eu só queria sair de casa, minha família ficou orgulhosa por vários motivos, primeiro que meu ex era de "boa família", segundo que eu estava fazendo faculdade federal e então estava tudo ótimo para eles certo? Errado eles me cobravam constantemente pra terminar meu curso, quem é de exatas entende o quão tenso é você decorar 1 milhão de fórmulas e na hora da prova não saber qual é a primeira que irá usar e o branco vir, então no começo a adaptação é tensa, cobrava que eu casasse com meu ex no caso já estavamos com 2 anos de namoro e morávamos juntos nessa época, mas como disse eu e ele não ligavamos pra eles, eles me mandavam dinheiro através da conta do meu ex para que eu possa comer algo, era bem pouco mas ajudava sim não posso negar, pois comprava pão e leite, eu já ia para casa só nas férias e minha família continuava querer cobrar minha estadia quando ia, exemplo: você ficou 10 dias, então com a luz, água e x o valor fica xx, eu achava isso um absurdo, pois eu ia só para visitar minha família (obs.: minha mãe separou do meu padrasto e teve minha irmã com isso as duas foram morar com meus avós, então eu ia para ver ela) Mas com o tempo passei a ir só no natal e voltava antes do ano novo, então não dava tempo de se meterem na minha vida, o tempo passou e meu namoro já tinha virado mais amizade que amor, então decidimos separar, mas não falamos para minha família logo, ja que na visão da minha avó eu não consigo me virar sozinha sem meu ex, e nenhum homem será bom que nem ele, então mantivemos essa mentira por um tempo e quando contei minha família achou que seria uma fase e que a gente voltaria logo, sendo que já tínhamos superado e já tínhamos ficado com outras pessoas, passa o tempo e em 2019 decidi que iria viajar, queria a muito tempo, mas meu ex não programava falava sempre um dia e um dia, mas acabava que nunca chegava esse dia, então decidi mesmo que minha família brigue por viajar sozinha eu iria, tinha juntando dinheiro e queria viajar para fora do Brasil. Em outubro de 2019 eu conheci meu atual pelas redes socias, iria viajar no ano novo decidi que seria para Portugal e então comecei a olhar as coisas do país, onde ficar e com isso acabei falando com ele, ficamos íntimos muito rápido e na primeira semana falávamos de tudo um com outro, conversa vai e vem e eu decidi que iríamos nos ver assim que eu chegasse. Mas com o tempo essa paixonite ficou mais séria e eu e ele só pensavamos o que fazer quando eu voltasse pro Brasil e ficasse longe, porque pra mim uma viagem dessa seria de 5 em 5 anos, e ele é militar acaba que não tem tempo também para viajar, então decidimos com ele que eu iria ficar lá com ele (não foi assim do nada foi pensado e seria um teste se desse errado eu voltava), mas sim faltava 3 meses para isso, então eu arrumei as coisas, resolvi questões já que morava sozinha então tinha coisas a fazer e resolvi que faltando 1 semana pra ir eu iria para minha cidade falar com minha família sobre isso, pois não daria tempo deles tentarem arruinar esse meu desejo e eu queria que fosse algo leve que eu explicasse que eu teria dinheiro e se eu quisesse voltar eu voltava, mas quando cheguei em casa a minha avó mandou eu fazer comida, pois não tinha comida para mim lá e que eu podia fazer mas reclamou e reclamou que eu não estava com meu ex e falava pra eu dar orgulho para ela, eu travei e não consegui falar, enfim viajei, pedi conselhos ao meu ex, pois ele mais que nunca sabia como era isso tudo e ele disse que assim que eu arrumasse emprego em Portugal, mostrasse que estava aqui, explicava tudo e falava que estava bem e trabalhando e no caso até poderia mandar dinheiro pra ajudar eles (algo que eles iriam ficar "orgulhosos"). Mas o destino meus amigos, o coronga entrou em ação quase 1 mês depois que estava aqui e ficou impossível de conseguir emprego, minha avó começou a não gostar deu estar sozinha no Brasil e então comecei a mentir falando que estava com amigas e que estava bem, meu tio começou a jogar umas indiretas sobre eu não estar em casa já que eu não fazia mais vídeos chamadas com minha avó, e minha avó falava em voltar sempre com meu ex, eu não consegui falar, pensei que conseguiria ficar com visto de trabalho e que com isso eles não poderiam sei la fazer algo para que eu voltasse para o Brasil, fora que meus sogros já acham estranho essa história de se conhecer pela internet do meu namorado e eu, então pensava que meu tio poderia achar nas minhas redes sócias meu sogro e inventar coisas e piorar meu relacionamento com eles, eu sou extremamente feliz com meu namorado, não sinto o peso da família sobre isso, podemos fazer o que quiser, voltei com meus cachos coisa que minha família detestava e nunca deixava que eu voltasse, ele me apoia e sinto que foi a melhor coisa que fiz é ter dado essa chance pra nós dois. Minha avó detestou que voltasse que os meu cachos mas meu namorado me apoio muito nisso. Minha avó gravou um áudio chorando falando que estraguei meu cabelo que minha mãe e ela viram meu cabelo na foto de perfil do whats que a mesma daqui e que estou péssima devo estar louca terminei meu namoro e agora isso que só faço desgosto e coisas do tipo, respondi com: eu estou linda me amo assim lide com isso. Minha avó de vez em quando manda dinheiro pra mim como presente, ja disse que não preciso, pois vejo que assim ela acha que eu tenho obrigações com ela, mas ela mansa pois sabe minha conta do banco e sempre me convence fala do a compra uma blusinha pra você e talz foi fulana que mandou (no caso fala que o dinheiro é presente de primos, madrinhas meu avô). Em Dezembro desse ano ira fazer um ano que vou estar aqui, pensei que em novembro poderia falar com minha família que iria viajar em Dezembro e fingir que esse meu 1 ano não existiu já que quase não fiz nada aqui por conta do coronga e até lá eu iria tentar me regularizar no país, então não teria a possibilidade deles fazerem algo contra, ao mesmo tempo tenho vontade de falar que já estou aqui quando eles me ligam e tirar esse peso, mas sei que as consequências podem ser muito piores e já que eu aguentei ate agora eu aguento até dezembro. Minha avo me liga regulamente e não sabe do meu atual relacionamento fico mal, mesmo sabendo que se eu apresentar meu atual ela não ira gostar dele da mesma forma que meu ex, por conta dela exigir essa coisa de boa família, eu queria que ela visse o quanto ele me faz bem e como sou muito mais muito feliz com ele.
Eae gente sou babaca de não falar que estou aqui em Portugal para minha avó e família?
Ps.: é irrelevante, mas meu tio é gay, esse amigo dele é marido dele, ele "esconde" isso da minha família, eles tem casa juntos, compraram carro juntos, tem dois dogs juntos, mas contam para todos que são amigos,quando outros familiares falam que acham isso estranho minha avó e minha mãe, ameaçam todos falando que é difamação e que eles vão ter que provar judicialmente. Para minha família isso seria algo horrível, não gosto do meu tio acho ele falso e dissimulado, mas fico mal por minha avó não aceitar ele e mesmo eu sendo heterossexual tenho amigos gays, bi etc... e minha avó não aceita o fato de ter "colegas" (já que pra ela não tenho amigas) bi e lésbicas, pois vão pensar mal de mim e elas só querem me levar para esse caminho do mal.
submitted by NayhAlmeida to TurmaFeira [link] [comments]


2020.06.21 19:49 LeonorUwU (Repost porque flopou) O DIA EM QUE O MEU EX PSICOPATA INVENTOU BOATOS SOBRE MIM PORQUE NÃO SUPEROU O TÉRMINO :')

Olá Luba, editor, falecidos bonecos de papelão, gatas e público que está a ver :D então hoje eu vou contar a história de um dos meus piores relacionamentos passados( tem treta, violência, boatos falsos e muito mais) ps: Luba eu sou de Portugal estou tentado adaptar a minha história para português do Brasil :).... Então tudo começou quando eu estava por volta dos meus 10/11 anos. Na época eu tinha decidido entrar no grupo de escuteiros da minha cidade, pois parecia muito legal e tinha alguns amigos lá e tals. Quando eu comecei a frequentar o grupo, eu conheci um garoto (vamos chamar ele de karls), e imediatamente fiquei amiga dele pois ele era muito simpático e era amigo dos meus outros amigos. Algumas semanas se passaram, e o nosso grupo de escuteiros participou numa procissão. A gente estava lá e tals, e teve uma hora que a gente parou. Nessa hora eu e os meus amigos incluindo o karls, fizemos uma rodinha e começamos a jogar joguinho e de criança (que na época era verdade ou desafio) então do nada os meus amigos começaram a falar que tinha um garoto do grupo que estava gostando de mim. Eu fiquei muito curiosa e confusa ao mesmo tempo pois eu apenas frequentava o grupo fazia poucas semanas. Daí eles me falaram que o garoto que estava afim de mim era o karls. Eu pensei para mim mesma (OK tudo bem, mas eu não sinto nada por ele, apenas somos amigos e nada mais). Então a gente retornou para a procissão e os meus amigos não paravam de falar que eu tinha que ficar com ele porque ele gostava muito de mim e eu não poderia recusar. Então alguns dias depois ele me pediu em namoro, mesmo a gente não se conhecendo muito bem, eu aceitei devido às obrigações que meus amigos me impuseram. (eu era uma criança muito burrinha :/). A gente começou a namorar e todos os dias ele ia me procurar na escola, e ficava perguntando para todo o mundo onde eu estava pois ele precisava de estar comigo toda a hora(comportamento de garoto meio obesecado) No inicio eu não vi nada de errado pois achava que era coisa de namorado, mas então alguns dias depois o nosso grupo de escuteiros fez um acampamento, que foi muito legal inclusive, mas os meus amigos ficavam toda a hora falando coisas do género (AH SE BEIJEM! DÊM AS MÃOS) eu estava ficando meio cansada disso. No último dia do acampamento a gente voltou para casa de ônibus, eu sentei do lado dele por pura obrigação. Então eu tentei conversar com ele para melhorar um pouco o clima. Eu decidi perguntar quais eram os seus maiores sonhos, e ele respondeu (MEUS MAIORES SONHOS SÃO ME CASAR COM VOCÊ E TER FILHOS COM VOCÊ!) após ele falar isso eu tive a certeza de que o karls estava obesecado por mim, e não era normal falar esse tipo de coisa para uma pessoa que você conhece FAZ NEM UM MÊS. Eu decidi por mim mesma que não queria continuar com aquilo, pois não era saudável, ele parecia um stalker psicopata, que ficava me seguindo para todo o lado e não deixava eu falar com outros garotos. Após algumas semanas eu tomei coragem e terminei com ele... Não fui capaz de dizer a ele diretamente, por isso pedi à minha amiga para falar para ele que eu queria terminar (O QUE FOI UM GRANDE ERRO). Algumas horas depois, umas meninas da sala dele me chamaram no banheiro para conversar , e feita burra eu fui, quando cheguei na zona em que a turma do karls tinha aula (a gente estava separado por turma) um amigo dele ME EMPURROU COM TODA A FORÇA CONTRA UM CACIFO ESCOLAR, e o impacto fez com que eu quase QUEBRASSE MEU BRAÇO. Logo após ele ter me agredifo ele falou (PORQUÊ VOCÊ TERMINOU COM ELE SUA IDIOTA!? VOCÊ ERA MUITO IMPORTANTE PARA ELE E NÃO TINHA O DIREITO DE TERMINAR COM ELE >:(...) eu fiquei muito assustada e entrei a correr para dentro do banheiro femenino para falar com as tais meninas da sala dele. Quando eu entrei ELAS ME RODEARAM (que nem um interrogatório de criminoso) E ME OBRIGARAM A FALAR O PORQUÊ DE EU TER TERMINADO COM O MENINO. Eu imediatamente comecei a chorar, e expliquei para elas tudo o que karls fazia, e ele parecia meio psicopata. Elas me compreenderam e me deixaram ir. Depois disso eu fui para a minha aula e me falaram que Carls passou a sua aula inteira chorando e que a culpa disso tudo era minha E QUE EU ERA HORRÍVEL. Depois da aula me chamaram denovo mas dessa vez tinha sido um amigo do karls, e ele falou para eu ir o mais rápido possível pois as coisas estavam tensas. quando eu cheguei na turma dele, ESTAVA TODO O MUNDO REVOLTADO COMIGO, PORQUE O IDIOTA DO KARLS REVOLTOU TODA A SUA TURMA CONTRA MIM, eu estava assustada com todos aqueles olhares ameaçadores, e perguntei o que estava acontecendo e o porquê de todos estarem me olhando daquele jeito. Em seguida uma menina me falou que o Karls tinha espalhado o boato de que EU TINHA DEIXADO ELE POIS EU ESTAVA APAIXONADA POR OUTRO MENINO DE OUTRA SALA( o que era totalmente mentira) E TODOS ME FICARAM ENCARANDO COMO SE EU FOSSE UMA FALSA VAGABUNDA. Eu tentei falar para todos eles que era mentira e que o Karls era demasiado apegado a mim e que eu não me sentia confortável com aquele relacionamento "abusivo" e falei que estava namorando ele por PURA OBRIGAÇÃO, e nunca falei que estava 'apaixonada' por ele. Na hora ninguém acreditou, pois ele tinha espalhado aquele boato de uma maneira que me fez passar PELA MÁ DA HISTÓRIA. Semanas se passaram e eu cortei o contacto com as pessoas daquela turma. Tinha algumas pessoas lá (mais ou menos 3) que ficavam me falando que o Karls chorava em TODAS as aulas e os professores estavam ficando fartos do seu choro irritante. Meses se passaram e as coisas acalmaram. As pessoas da turma dele deixaram de me olhar como má da história, e começaram a perceber que aqueles boatos eram mentira, e que eu estava sendo obrigada a estar com ele. ANOS SE PASSARAM, e eu tentava recuperar a minha amizade com ele, porque eu sei que embora ele tivesse aquele lado meio psicopata, ele até era um garoto legal. Eu e Karls meio que recuperamos a nossa amizade, mas ele me propôs vários pedidos de namoro denovo.... E teve um em específico em que ele falou que se eu não aceitasse, ELE NUNCA SERIA FELIZ E QUE PODERIA TIRAR A PRÓPRIA VIDA..... e tudo isso quando a gente era criança. Os anos se passaram e a gente continuava falando mas eu tentava não lhe dar expectativas para ele conseguir perceber que eu não queria nada com ele. Enfim essa foi a minha estória.... Foi meio nhe, mas espero que tenha entretido vocês(PS: eu e Karl's hoje somos grandes amigos, ele percebeu que em criança era meio louco e me pediu desculpas, provavelmente ele vai estar vendo esse vídeo... 'Karls' não me odeie kk) :D beijos <3
submitted by LeonorUwU to TurmaFeira [link] [comments]


2020.06.21 15:44 britesss Sou babaca por ficar muito tempo com minha melhor amiga?

Olá Luba, papelões mortos, gatas, possível convidado, e todos que estão a ver. Bom essa história aconteceu ano passado, eu namorava uma menina a distância naquela época e ela terminou comigo, eu fiquei mt triste porém não sei explicar exatamente oq acontece cmg mas eu comecei a gostar do meu melhor amigo, porém ele gostava da minha minha melhor amiga. Vamos chamar o melhor amigo de Rogério e a melhor amiga de Camila. Bom eu comecei a gostar de Rogério, porém nunca contei isso a ele e também não tinha vontade de fazer isso, já que ele gostava de Camila e Camila gostava dele tbm (ps: Camila sabia q eu gostava dele porém foi pq eu contei e eu não ficava triste ou brava por eles ficarem juntos, na realidade eu ficava bastante feliz por meus melhores amigos ficarem juntos e serem felizes).
Porém isso tudo veio acontecer quando eu tava em uma das piores fases da minha vida, psicologicamente e fisicamente, tive que ir em vários médicos fazer exames e tomar remédios que me ajudavam a controlar meu "humor" digamos assim. Em um dia eu tive a BRILANTE ideia de tweetar um lista de todas as merdas que deram errado antes de ir pra escola(ps: eu estudava de tarde), eu pensei "bom ninguém interage cmg então provavelmente ninguém vai ver" ai ai como eu era bobinhakk enfim eu fui pra escola normalmente, e quando cheguei eu estava conversando com Camila e outras amigas, quando Rogério chegou e comprimentei ele e ele ficou meio estranho, eu percebi q ele tava desconfortável, pensei em ir falar com ele porém logo bateu o sinal e a aula começou até aí tava tudo bem normal, no meio da aula de português ele me mandou mensagem(ele sentava no fundo da sala e eu na frente) falando q precisava conversar cmg eu fiquei tipo ??? e um pouco preocupada pq lembrei do tweet, tentei ignorar e perguntei o pq e ele me respondeu "sobre aquelas parada lá de vc gostar de mim" eu entrei em pânico e logo respondi q não queria conversar e desliguei o celular. Dps disso eu comecei a tremer, suar frio e ter dificuldade pra respirar, eu tava começando a ter um crise de pânico, tiverem que me tirar da sala. A Camila e terceira personagem importante que vamos chamar de Paula, me ajudaram mt. Nesse dia, eu consegui me acalmar e voltar pra aula, porém Rogério e eu começamos a nos evitar. No dia seguinte eu decidi conversar com ele, e eu me lembro dele falar que queria encontrar uma forma gentil de me rejeitar(um conselho que descobrir ser de Paula para ajudar ele) e eu lembro de dizer que não precisava q eu sabia q não era recíproco e que eu ia superar e esquecer, dps disso tudo eu esperei ele perguntar mais alguma coisa pq na lista q eu havia colocado outros tópicos em relação a minha saúde, e ele era sempre mt carinhoso e se preocupava mt com as amigos/amigas dele, e imaginei q ele iria me ajudar me dá algum conselho ou só conversar cmg, até pq ele era meu melhor amigo e era uma coisa mt comum na nossa amizade isso, porém ele só me virou e falou "era só isso msm" e fui embora. Eu fiquei mt abalada com isso e quis chorar mas segurei e ignorei isso.
Dps disso a gt continuo a se ignorar, eu ainda tava tendo mt dificuldade com minha saúde mental e Paula e Camila me ajudavam bastante. Porém teve um dia que Paula me chamou pra conversar pra me falar que o Rogério havia pedido pra ela me falar que ele não conseguia ser mais meu amigo e q não queria mais falar cmg. Dps disso tive outra crise de pânico, e dessa vez foi tão forte q meu pai teve q me buscar na escola. Dps disso, tudo piorou, eu estava me sentindo mt mal por ter gostado dele, minha autoestima caiu e comecei a parar de comer(eu comia uma ou duas refeições por dia), eu pesava 85 quilos e passei a pesar 72 quilos dps disso, frequentemente meu pai tinha q me buscar na escola pq eu passava mal. Eu tava ruim e dps piorei mais. Nesse tempo eu não tinha ânimo pra nada, e nisso Camila passou a ficar mt cmg, conversar ou só fazer companhia pra me ajudar(ela é um anjo pra mim por causa disso).
E em um dia em que eu tava péssima msm, ela me fez companhia o tempo inteiro e até me fez comer um pouco nesse dia, eu fiquei melhor dps disso e voltei pra casa um pouco feliz. Quando cheguei em casa e fui mexer no whatsapp Paula havia criado um grupo chamado "desgraça", desse grupo estava ela, eu, Camila e Rogério, ela mandou um áudio de 4 minutos basicamente me atacando, nele ela falou coisas como "o Rogério não vai deixar de gostar da Camila e nem a Camila vai deixar de gostar do Rogério por causa de vc" "vc tá atrapalhando eles" "eu sei que vc está triste mas o Rogério chorou pq não consegue ficar com a Camila pq vc tá o tempo todo com ela" "vc errou em começar a gostar do Rogério" e coisas nesse padrão, eu já estava mal o bastante por causa da minha saúde e dps disso eu fiquei ainda pior. E não foi apenas eu, Camila e eu conversamos dps desse grupo e ela estava chorando de desespero por estar mt precionada.
A situação ficou ainda mais merda, eu passei a ter receio de ficar com Camila, quando Rogério chegava eu saí de perto dela pra eles ficarem juntos, eu passava mts intervalos sozinha pq não queria atrapalhar eles, e um detalhe enquanto eu ficava sozinha ficava junto Camila, Rogério e PAULA. Dps de um tempo eu comecei a melhorar e ficar mais próximas de outras pessoas e passei a não ficar sozinha mais, eu estava voltando a comer normalmente e estava indo ao psicólogo. Eu ainda não entendia pq isso tudo havia acontecido porém eu estava me recuperando aos poucos.
Dps que estava mais saudável, tanto físico e mental, eu comecei a raciocinar algumas coisas juntos de outra melhor amiga minha que era amg de Rogério e conversava com ele. E no fim eu entendi o pq disso tudo ter acontecido e Paula e Rogério me considerarem uma "vilã" digamos assim. Antes de tudo acontecer, ocorreram duas situações q o Rogério achou q eu fiz para eu afastar ele/fazer ele parar de gostar da Camila para eu ficar com ele
Situação 1: quando eu tinha acabado de terminar meu namoro Rogério estava confuso sobre tentar ou não envestir em Camila e Camila na época falava q não tava pronta pra um relacionamento, e eu levei isso q ela falou em consideração e falei q talvez não fosse valer a pena envestir ja q ele queria um relacionamento. Ele ficou triste com isso, e dps eu fiquei mal com isso tbm e realmente acho q errei sobre isso e pedi desculpas dps, ele me perdoou e ficamos de boa dnv.
Situação 2: em um dia ele queria conversar com Camila na volta(a gt pegava o msm caminho pra ir pra casa um do outro, e nesse dia ela tbm teve q pegar esse caminho) e eu fui na frente pra eles poderem conversar. Acontece é q chegamos em determinada esquina e nesse esquina Camila iria se separar da gt, decidi conversar com ela um pouco(tinha um sinal e tava vermelho pra ela atravessar) até o sinal abrir, dps q ela foi embora o Rogério começou a ficar bravo e gritar cmg falando q eu estraguei o momento pq ele iria conversar com ela naquele momento, fiquei bastante magoada com ele mas no dia seguinte ele pediu desculpas eu aceitei e ficamos bem dnv.
Eu fique extremamente indignada pq não é da minha índole fazer isso, aliás é uma coisa extremamente SEM SENSO. Eu passei de magoada pra puta, e xinguei mt ele pra essa minha amg. No dia seguinte decidi desabafar isso pra Camila e ela tbm acho isso ridículo e falou q ia botar um basta nisso e q ia conversar com o Rogério. Dps disso Rogério voltou a falar cmg e tentar ter um amizade igual a que a gt tinha dps, eu aceitei isso mas não durou mt tempo e hj a gt nem conversa direito so se comprimenta e troca uma ideia ou outra se necessário. Ele e Camila estão juntos a um ano, ele nunca me pediu desculpas dps de tudo e Paula tbm não. Eu sempre quando lembro dessa história me sinto mal e culpada, e eu quero saber, eu fui a babaca?
submitted by britesss to TurmaFeira [link] [comments]


2020.06.21 05:41 duartejoaov Gratidão Profunda de um Adolescente.

Então, eu vejo muitos posts reclamando por aqui e tal, e sinto falta de ver coisas positivas também, portanto vou deixar minha experiência com a mudança de vida que tive.
Eu tenho 17 anos atualmente, e vocês não tem noção do quanto minha vida mudou em 2 anos ! Vou resumir bastante a história, mas se eu fosse contar tudo ficaria aqui quase 1h.
Para vocês entenderem a história, aos 15 anos em abril de 2018 aproximadamente, eu tinha uma melhor amiga que era muito apegado, e até meio apaixonado. Em abril ela começou a namorar um garoto e eu estava ficando meio triste cm isso e tal, por tanto decidi me afastar. No início tava sendo meio difícil, eu conversava com ela todos os dias e fazia falta. 1 mês depois tomei uma decisão, eu era um garoto que jogava muito, ficava 24h no Pc jogando LoL, parei pra refletir uma noite e vi que tava infeliz com a minha vida, eu não tava vivendo o que eu queria, parei pra analisar o que eu tinha que mudar, e decidi largar os jogos, vendi meu PC no dia seguinte e nunca mais joguei.
Essa decisão foi o ponta pé inicial, a partir dali minha vida estava direcionada a mudar. Eu estabeleci 3 metas de coisas que eu queria mudar na minha vida, que eram 1- Arrumar um emprego 2- Conhecer pessoas novas 3- Melhorar como pessoa, minha personalidade em geral O ano acabou de começar 2019: Comecei do início, indo atrás do emprego, todo dia de manhã entregava currículo online. Após 6 longos meses consegui meu 1° emprego, nessa época eu já não estava mais triste por ter cortado a amizade, não conversamos mais e eu não sentia falta, enfim, consegui o emprego em junho do ano passado, fiquei feliz pra caralho... Comecei a ver as mudanças surgindo. Fiz umas amizades muito boas nesse emprego, me ajudaram a evoluir, eu tinha que acordar bem cedo e carregar caixas, era cansativo mas mesmo assim era grato por aquilo e pelo o que me proporcionou.
Após 7 meses nesse meu emprego, um colega meu do trabalho falou de um concurso público que iria ter para trabalhar na empresa ao lado, que era a Intelbras, era uma vaga para jovem aprendiz, de 14 a 24 anos, pensei então porque não participar, sai do emprego e fui direto na empresa me candidatar para a prova. 1 semana depois fui fazer a prova, não tinha nem estudado direito, mas estava confiante. Após receber o resultado da prova descubro que passei na pontuação mínima que era 14/20 questões, sinceramente eu não sabia nenhuma de matemática, mas as de português eu sabia 9, então as outras 5 foi só no chute (kkk). Fiquei feliz pra caramba, porém tinha a entrevista para fazer ainda, e eram cerca de 500 jovens que iam participar para 60 vagas. Chegando o dia da entrevista, eu estava confiante, não sei porque, mas tinha a sensação de que tudo ia ocorrer bem, e foi dito e feito, a entrevista era em grupo e me destaquei muito bem, no mesmo dia soube que fui um dos aprovados. Eu estava até meio em dúvida sobre mudar ou não de empresa, pois eu tinha bastante amigos na empresa que eu trabalhava e ia ser difícil me afastar, porém eu sabia o que era o certo a fazer, aceitei a proposta, isso foi essencial pra minha mudança, vocês vão saber o porquê.
Em fevereiro desse ano eu comecei na empresa, confesso que estava meio inseguro, mas logo no 1° dia fiz amizade com um cara muito gente boa chamado Marcos. O Marcos era aquele tipo de amigo que te passa a "visão" de tudo, ele era um cara boa pinta e conseguis se dá bem com qualquer um, inclusive com as mulheres. Estava gostando muito do trabalho, era simples e não exigia muito esforço, além de ter um salário bom. Por ser um cargo de jovem aprendiz eu fazia curso no Senai, com vários adolescentes, e esse meu amigo Marcos estudava lá, portanto ele conhecia quase todo mundo, por eu andar com ele fui conhecendo algumas pessoas também. Um certo dia ele me apresentou a Lívia, que era uma garota muito linda mesmo, eu nunca fui aquele menino pegador, fiquei com poucas gurias, mas eu não me achava feio, nem muito bonito, porém tenho um papo massa, consigo desenrolar bem. Eu e essa Lívia começamos a conversar, porém conversamos por 1 semana e depois paramos de conversar.
Chegou o carnaval desse ano, eu nunca tinha pulado um carnaval, mas achei que esse ano merecesse por estar acontecendo muitas coisas boas, então eu fui. Resumidamente meu carnaval foi muito massa, eu conheci muita gente e aproveitei bastante, mesmo não tendo ficado com 1 guria só KKKKKK. Nesse carnaval conheci o Fidelis, que por coincidência morava aqui perto de casa, então decidimos ir pra casa dele beber e trocar uma ideia depois do carnaval, foi eu e uns amigos nosso, esse dia foi importante pois qnd eu cheguei em casa parei pra refletir e vi o quanto minha vida tinha mudado. Eu havia conseguido um bom emprego, consegui conhecer pessoas novas, mudei meu ciclo de amizade, me afastei de amizades que eu considerava negativas.
Dali pra frente eu sabia que tava cada dia mais perto de ter a vida que eu queria, eu tava vendo resultados das minhas atitudes e percebendo as mudanças.
Pulando pra mês passado, eu voltei a falar com a Lívia, e ficamos bem íntimos, me identifiquei muito com ela e tal, me parecia algo meio distante ainda ter algo com ela, mas mesmo assim tentei. Depois de uma semana mais ou menos decidi mandar a real pra ela, falei que achei ela uma garota muita firmeza e parceira, e que ela era engraçada e pá, e perguntei se ela tava ficando com alguém, logo em seguida ela respondeu que me achava altos guri tbm e pá e que não tava ficando com ninguém, porém isso foi d madrugada e no outro dia mudamos de assunto. A princípio minha idéia era marcar algo com ela pós quarentena, então continuamos conversando normalmente. Semana passada ela começou a dar algumas indiretas pra mim, como se quisesse ficar comigo, confesso q fiquei bem feliz, agora estamos bem próximos, já marcamos de sair e tenho certeza que vamos ficar pq ela já falou que quer. Não sei como vai ser qnd sairmos, vou só ter fé e ver no que dá, talvez eu volte pra contar como foi kkkk.
No mês passado aquela melhor amiga que eu tinha veio falar comigo, ela já tinha terminado o namoro há um tempinho, porém eu realmente nem sabia dela. Começamos a conversar e expliquei o pq tinha me afastado, além disso ela falou também que eu virei outra pessoa, que eu tinha mudado de mais para melhor e que ela tava orgulhosa de mim, pela pessoa que eu me tornei. As vezes ainda conversamos mas não sinto nada por ela, mas considero uma pessoa especial pois me ajudou a mudar.
Chegamos no dia de hoje, sinceramente 2 anos atrás eu não tinha noção do quanto minha vida ia mudar, tive muita fé e fui atrás do que queria, nunca me acomodava. Hoje recebi uma notícia muito mas muito boa mesmo, não vou comentar porque é algo que quero deixar no sigilo por enquanto, mas isso vai me abrir muitas portas na minha vida e sou extremamente grato.
A minha mensagem final pra vocês é pra vocês não aceitarem ter uma vida que não se orgulhem, a nossa vida é uma experiência única, portanto vivam o sonho de vocês, vivam o extraordinário ! Não se acomodem em uma vida que não se orgulhem, procure ir atrás de mudar, de evoluir, de conhecer coisas novas, garanto que vai ser a melhor atitude que vocês vão tomar na vida toda, e vão poder vivenciar uma experiência única de poder olhar pra trás e ver toda a tua trajetória e se orgulhar por tudo o que vivenciou. Cada pequena decisão que tomamos influência o nosso futuro, e tudo depende só de nós mesmos, de nosso pensamento e das nossas atitudes, há 2 anos atrás eu não achava que era capaz de conquistar tudo o que eu consegui, hoje estou vivenciando isso.
Sou muito grato por tudo o que aconteceu, porém não estou satisfeito ainda, e não irei parar até ter a vida que eu imaginei.
Hoje posso dizer que aquela minha lista com 3 coisas está completa, e sinto uma paz profunda por isso.
Enfim acho que é isso, perdão pelo texto longo, mas espero que ajude algum de vocês, ainda mais na fase da adolescência que é algo difícil, talvez eu conte outras experiências que tive futuramente !
Gratidão pela atenção e muita fé na mudança !
submitted by duartejoaov to desabafos [link] [comments]


2020.06.21 03:26 SucodeTudo Uma historia "feliz"?

Ahoy Lubiscode primeiramente desculpe pelos erros de português,estive adiando muito pra escrever este texto mas acho que ja esta na hora,essa historia é sobre a minha vida quem sou e porque estou como estou,quero que analise e me diga se sou o babaca kkk,sem mais delongas irei começar o texto Bom dia(talvez noite)luba,convidados,gatos e barba do luba,a minha historia começa a 5 anos atras,eu tinha 10 anos(faça as contas)bem pela minha idade não poderia imaginar muita coisa,mas ja tinha rola pa de coisas na minha vida,tipo:meus pais se separaram,minha vó tambem,as 2 arranjaram outros caras,meu avodrasto batia na minha vó,o meu padrasto era um [email protected],minha mãe se separou de novo,se casou com um velho,se mudou pra casa dele e eu tambem to morando no centro e sai do interior. Pode não ser muita coisa mas pra mim na quela idade foi dificil,ver tanta coisa passando e tanta coisa acontecendo me deixou louco,eu fiquei muito mau mas tentava não demonstrar muito isso meu novo padrasto era(é) muito agrecivo com todo mundo inclusive eu,então eu não podia encomodar ele,ficava no meu canto vendo youtube,jigando algum jogo ou estudando na maioria do tempo,ocupava minha mente com essas coisas pra não piorar a situação Como estava numa nova cidade sozinho e sem amigos minha unica chance foi a escola,mas mesmo antes eu sempre fui meio anti-social,minha familia era pobre mas minha mãe trabalhava muito pra me dar tudo oque eu queria,e sou grato a ela por isso,mas a ansiedade dela e a tendencia depressiva da minha vó(que entrou em depressão quando eu e minha mãe saimos de perto dela e deixamos a vó sozinha com aquele monstro em casa)pesou muito na minha vuda social. Então fazer amigos sempre foi muito complicado. Kas quando eu entrei na escola daquela cidade eu conheci algumas pessoas,comecei a me dar bem nos esportes na medida do possivel é claro e tambem minhas notas subiram mais do que o normal,comecei a pensar nos testes pra federal(e consegui lubisco),mas como tudo que é bom acaba rapido,uma menina linda,com uma franjinha muito fofa destruiu meu mundo e um amor "platonico" acabou com aquela minha unica esperança que era a escola. A desilusão amorosa foi forte,mas o amor foi maior,insisti reconhecendo os limites,não invadia a sua zona de conforto e aceitava o não mas eu não podia me livrar daquele sentimento,e aquele sentimentp continuo durante 4 anos,4 anos luba,por mais que eu seja uma criança 4 anos não é qualquer coisa,eu realmente amo ela,e ela é alguem especial na minha vida,ela me salvou de um suicidio e quase me pois em um quando disse não,ela é tudo pra mim,e depois de 4 anos ela aceitou. Eu fiquei muito feliz luba,sério,tipo,imagina só:"a menina que você amou por 4 anos te aceitou" e mano ela nunca me desrespeitou nesses 4 anos,sempre sendo alguem muito gentil,fofa,estudiosa tipo ela é perfeita cara. Mas Luba,depois de 4 anos nós começamos a namorar(agora no caso completamos 6 meses)eu sou uma criança ainda com 14 quase 15 anos não sei de nada sobre o mundo,mas eu sinto isso e não é facil de simplismente ignorar um sentimento. Eu amo ela Luba,mas ela demorou 4 anos pra me aceitar em namoro,aconteceu algumas coisas que ela veio a me falar a poucp tempo mas ainda assim,não me convenceu,tenho medo de sme querer ter precionado ela pra que eu força-se ela a gostar de mim,e criando um falso amor,não sei se quero continuar,uma insegurança anda me tomando,pela minha aparencia,fisica e cobtexto do relacionamento,mas ao mesmo tempo tenho medo do sentimento ser real e eu ferir os sentimentos dela. Gostaria que você me ajuda-se nessa lubisco,ja falei com minha mãe mas ela se recusa a me pagar um psicologo,pois de acordo com ela :"não precisa,é só falar com a gente que a gente te ajuda"não querendo desmerecer meus pais mas isso é algo que eu não quero falar com eles,minha vida pessoal não é algo que eu sinto conforto de falar com eles. De qualquer forma eu aprendi muito nesses 4 anos de solidão,li muito,sofri muito,estudei muito,conheci muito mais sobre mim,conheci amigos,d&d,cs,lol tipo isso querendo ou não marcou a minha vida e me formou a pessoa que sou hoje,então de qualquer forma devo muuto a ela,eu te amo mor ♡ Eu e minha namorada assistimos você e tanto eu quanto ela somos muito seus fãs <3 e desculpa mor,sou falho de mais pra alguem tão perfeita como você,desculpa.
submitted by SucodeTudo to TurmaFeira [link] [comments]


2020.06.18 05:49 meguel40028922 EU SOU BABACA DE TER DADO VÁCUO NA MINHA "AMIGA"

Olá luba, gatas, pets da turma, turma, e possível convidado ent minha história é essa:
Esse ano eu mudei de escola por any motivos mais vamo lá já no meu primeiro dia eu conheci algms alunos novos e tals ai eu e eles fomos virando amigos eu fui me aproximando de outro grupinho de alunos novos e velhos na escola aí foi aí naquele grupo eu virei mt amigo de uma menina vamos chamar ela de CARLS pq dps que eu e aquele grupinho fomos no shopping eu e a carls fomos nos aproximando e tudo isso aconteceu em fevereiro aí em março eu e a carls viramos mt amigos e a gente se falava todos os dias eu tava mt bem comparado a 2019 (O pior ano da minha vida mais fica pra outra história) mas de vez em quando eu tinha umas "recaídas" eu ficava mal com tudo comigo com a minha vida e eu nn prestava mta atenção no meu celular aí de vez em quando eu dava um vácuo em uma pessoa sem querer dps eu explicava e tals aí chegamos no terrível 5 de junho q eu tava em desses dias e a carls me mandou um áudio (isso em uma sexta feira) e eu cliquei sem querer no marcar como lida na barra de notificação aí eu pensei depois eu ouço aí deixei o celular de lado e fui fazer minhas coisas ai dps eu voltei pro meu cell pq me mandaram um monte de mensagem aí entrei no Whatsapp vi as conversas e sai não deu 2 minutos a carls me manda mensagem puta pq eu nn respondi e tals e naquela hora eu tinha brigado com o meu pai ai eu falei "ai amiga eu tô mal pq briguei com o meu pai" ai ela falou "e oq eu tenho a ver com isso?" Sendo q TODOS os problemas q ela tinha com a mãe sla eu ajudava eu fica conversando com ela e qnd eu briguei com o meu pai ela nem liga aí eu expliquei tudo certo e ela nn me respondeu o dia todo aí eu pensei a ent tá nn vamos conversar aí no domingo eu fiquei pensando nisso e fiz um texto gigante falando de TUDO de ruim q eu tava passando e tals e tbm falei q eu nn tava tentando tirar a culpa de mim eu sei q eu fui "descuidado" com todos os meus amigos ai ela nn me respondeu aí na terça eu e o grupinho q eu já falei estávamos conversando no Whatsapp e fazendo teste do buzzfeed aí eu mandei três testes e a carls falou "mnn pra de mandar teste tá chato faz só vc" aí eu coloquei mais só foram três e uma figurinha aí ela colocou "haha mt engraçado 😐" aí eu fiquei tipo Mano precisava? E tava todo mundo fazendo os quizes e mandando resultado aí outra amiga do grupinho vai ser a sarls me mandou uma mensagem aí como eu tava com sdds dela a gente ficou conversando aí eu contei oq tinha acontecido entre eu e a carls e ela ficou do meu lado no início mais aí do nada ela me bloqueou e outra amiga tbm bloqueou e dps por outra amiga eu descobri q a carls tinha falado pra sarls e pra outra amiga q eu ia ficar grudento nelas e falou q era melhor elas me bloquearem aí eu falei com a outra amiga no insta e ela foi super grossa aí eu desencanar disso aí dps eu comecei a voltar a falar com o meu mlr amigo(Q tava sem cell) q já "namorou" a carls por um tempo aí eu contei toda a história e ele ficou mt bravo com a carls por isso e por que no namoro a carls fingia gostar do meu mlr amigo aí ele foi falar com a carls e aumentou algumas coisas exagerou mas pq ele tinha ainda ressentimento do "namoro" é a carls me desbloqueou e veio falar um monte q eu tinha distorcido os fatos q eu tinha colocado ela como a vilã aí eu expliquei tudo pra carls q ele ainda tava mal do "namoro" aí a carls tipo Okei legal e me bloqueou de novo ai agr 2 semanas depois de tudo eu e o meu mlr amigo brigamos com basicamente todos os nossos amigos e só tem eu e ele e de vez em quando eu fico mal pq eu perdi amizades mt importantes tipo agora tô escrevendo isso e lembrando de tudo e triste tbm pq semana q vem é meu aniversário e eu nn vou passar meu aniversário com os "amigos antigos" (só com o meu mlr amigo q vai ser sucesso kk) eu sei q a carls assiste a salrs tbm e se estiverem desculpa por isso
Ent turma é isso desculpa pelo texto longo Mais ent eu sou o babaca por ter dado o vácuo nela? Edit: desculpa pelos erros de português
submitted by meguel40028922 to TurmaFeira [link] [comments]


2020.06.13 23:43 LeonorUwU A época em que meu ex psicopata revoltou todos os meus amigos contra mim 😗

Olá Luba, editor, falecidos bonecos de papelão, gatas e público que está a ver :D então hoje eu vou contar a história de um dos meus piores relacionamentos passados( tem treta, violência, boatos falsos e muito mais) ps: Luba eu sou de Portugal estou tentado adaptar a minha história para português do Brasil :).... Então tudo começou quando eu estava por volta dos meus 10/11 anos. Na época eu tinha decidido entrar no grupo de escuteiros da minha cidade, pois parecia muito legal e tinha alguns amigos lá e tals. Quando eu comecei a frequentar o grupo, eu conheci um garoto (vamos chamar ele de karls), e imediatamente fiquei amiga dele pois ele era muito simpático e era amigo dos meus outros amigos. Algumas semanas se passaram, e o nosso grupo de escuteiros participou numa procissão. A gente estava lá e tals, e teve uma hora que a gente parou. Nessa hora eu e os meus amigos incluindo o karls, fizemos uma rodinha e começamos a jogar joguinho e de criança (que na época era verdade ou desafio) então do nada os meus amigos começaram a falar que tinha um garoto do grupo que estava gostando de mim. Eu fiquei muito curiosa e confusa ao mesmo tempo pois eu apenas frequentava o grupo fazia poucas semanas. Daí eles me falaram que o garoto que estava afim de mim era o karls. Eu pensei para mim mesma (OK tudo bem, mas eu não sinto nada por ele, apenas somos amigos e nada mais). Então a gente retornou para a procissão e os meus amigos não paravam de falar que eu tinha que ficar com ele porque ele gostava muito de mim e eu não poderia recusar. Então alguns dias depois ele me pediu em namoro, mesmo a gente não se conhecendo muito bem, eu aceitei devido às obrigações que meus amigos me impuseram. (eu era uma criança muito burrinha :/). A gente começou a namorar e todos os dias ele ia me procurar na escola, e ficava perguntando para todo o mundo onde eu estava pois ele precisava de estar comigo toda a hora(comportamento de garoto meio obesecado) No inicio eu não vi nada de errado pois achava que era coisa de namorado, mas então alguns dias depois o nosso grupo de escuteiros fez um acampamento, que foi muito legal inclusive, mas os meus amigos ficavam toda a hora falando coisas do género (AH SE BEIJEM! DÊM AS MÃOS) eu estava ficando meio cansada disso. No último dia do acampamento a gente voltou para casa de ônibus, eu sentei do lado dele por pura obrigação. Então eu tentei conversar com ele para melhorar um pouco o clima. Eu decidi perguntar quais eram os seus maiores sonhos, e ele respondeu (MEUS MAIORES SONHOS SÃO ME CASAR COM VOCÊ E TER FILHOS COM VOCÊ!) após ele falar isso eu tive a certeza de que o karls estava obesecado por mim, e não era normal falar esse tipo de coisa para uma pessoa que você conhece FAZ NEM UM MÊS. Eu decidi por mim mesma que não queria continuar com aquilo, pois não era saudável, ele parecia um stalker psicopata, que ficava me seguindo para todo o lado e não deixava eu falar com outros garotos. Após algumas semanas eu tomei coragem e terminei com ele... Não fui capaz de dizer a ele diretamente, por isso pedi à minha amiga para falar para ele que eu queria terminar (O QUE FOI UM GRANDE ERRO). Algumas horas depois, umas meninas da sala dele me chamaram no banheiro para conversar , e feita burra eu fui, quando cheguei na zona em que a turma do karls tinha aula (a gente estava separado por turma) um amigo dele ME EMPURROU COM TODA A FORÇA CONTRA UM CACIFO ESCOLAR, e o impacto fez com que eu quase QUEBRASSE MEU BRAÇO. Logo após ele ter me agredifo ele falou (PORQUÊ VOCÊ TERMINOU COM ELE SUA IDIOTA!? VOCÊ ERA MUITO IMPORTANTE PARA ELE E NÃO TINHA O DIREITO DE TERMINAR COM ELE >:(...) eu fiquei muito assustada e entrei a correr para dentro do banheiro femenino para falar com as tais meninas da sala dele. Quando eu entrei ELAS ME RODEARAM (que nem um interrogatório de criminoso) E ME OBRIGARAM A FALAR O PORQUÊ DE EU TER TERMINADO COM O MENINO. Eu imediatamente comecei a chorar, e expliquei para elas tudo o que karls fazia, e ele parecia meio psicopata. Elas me compreenderam e me deixaram ir. Depois disso eu fui para a minha aula e me falaram que Carls passou a sua aula inteira chorando e que a culpa disso tudo era minha E QUE EU ERA HORRÍVEL. Depois da aula me chamaram denovo mas dessa vez tinha sido um amigo do karls, e ele falou para eu ir o mais rápido possível pois as coisas estavam tensas. quando eu cheguei na turma dele, ESTAVA TODO O MUNDO REVOLTADO COMIGO, PORQUE O IDIOTA DO KARLS REVOLTOU TODA A SUA TURMA CONTRA MIM, eu estava assustada com todos aqueles olhares ameaçadores, e perguntei o que estava acontecendo e o porquê de todos estarem me olhando daquele jeito. Em seguida uma menina me falou que o Karls tinha espalhado o boato de que EU TINHA DEIXADO ELE POIS EU ESTAVA APAIXONADA POR OUTRO MENINO DE OUTRA SALA( o que era totalmente mentira) E TODOS ME FICARAM ENCARANDO COMO SE EU FOSSE UMA FALSA VAGABUNDA. Eu tentei falar para todos eles que era mentira e que o Karls era demasiado apegado a mim e que eu não me sentia confortável com aquele relacionamento "abusivo" e falei que estava namorando ele por PURA OBRIGAÇÃO, e nunca falei que estava 'apaixonada' por ele. Na hora ninguém acreditou, pois ele tinha espalhado aquele boato de uma maneira que me fez passar PELA MÁ DA HISTÓRIA. Semanas se passaram e eu cortei o contacto com as pessoas daquela turma. Tinha algumas pessoas lá (mais ou menos 3) que ficavam me falando que o Karls chorava em TODAS as aulas e os professores estavam ficando fartos do seu choro irritante. Meses se passaram e as coisas acalmaram. As pessoas da turma dele deixaram de me olhar como má da história, e começaram a perceber que aqueles boatos eram mentira, e que eu estava sendo obrigada a estar com ele. ANOS SE PASSARAM, e eu tentava recuperar a minha amizade com ele, porque eu sei que embora ele tivesse aquele lado meio psicopata, ele até era um garoto legal. Eu e Karls meio que recuperamos a nossa amizade, mas ele me propôs vários pedidos de namoro denovo.... E teve um em específico em que ele falou que se eu não aceitasse, ELE NUNCA SERIA FELIZ E QUE PODERIA TIRAR A PRÓPRIA VIDA..... e tudo isso quando a gente era criança. Os anos se passaram e a gente continuava falando mas eu tentava não lhe dar expectativas para ele conseguir perceber que eu não queria nada com ele. Enfim essa foi a minha estória.... Foi meio nhe, mas espero que tenha entretido vocês(PS: eu e Karl's hoje somos grandes amigos, ele percebeu que em criança era meio louco e me pediu desculpas, provavelmente ele vai estar vendo esse vídeo... 'Karls' não me odeie kk) :D beijos <3
submitted by LeonorUwU to TurmaFeira [link] [comments]


2020.06.08 15:35 Fa_pt_do_Luba_n_1 Como perdi minha virgindade

Olá sou português tenho 12 anos e está história é de ano passado Quando tinha 11 anos eu namorava com uma garota q podemos chamar de Carlslina No nosso aniversário de 6 meses de namoro ela diz Dinis quero te fazer uma surpresa ela tapa me os olhos com uma venda e vai me guiando para um sítio PS:estávamos em casa dela chegamos a um sítio e ela diz espera um pouco passando um dois minutos ela diz podes tirar a venda e eu encontro me no quarto dela com ela semi nua só sutiã que ela tirou logo asseguir e o resto é a nossa história PS: acabamos com um ano e um mês de namoro
submitted by Fa_pt_do_Luba_n_1 to TurmaFeira [link] [comments]


COMO É NAMORAR UM PORTUGUÊS EM PORTUGAL - YouTube 'Namoro' PEDI A UMA PORTUGUESA EM NAMORO #2 - PRANK CALLS - YouTube NAMORO X CASAMENTO I Falaidearo - YouTube Respondendo Perguntas com Namorado Português! (Namoro á ... VOCABULÁRIO PARA AMOR, SEXO E NAMORO! - YouTube Como é Namorar com um Português - YouTube Vlog: Reencontrando Namorado em Portugal Namoro à ...

Conheça novas pessoas no Badoo. Amizades, diversão e muito ...

  1. COMO É NAMORAR UM PORTUGUÊS EM PORTUGAL - YouTube
  2. 'Namoro'
  3. PEDI A UMA PORTUGUESA EM NAMORO #2 - PRANK CALLS - YouTube
  4. NAMORO X CASAMENTO I Falaidearo - YouTube
  5. Respondendo Perguntas com Namorado Português! (Namoro á ...
  6. VOCABULÁRIO PARA AMOR, SEXO E NAMORO! - YouTube
  7. Como é Namorar com um Português - YouTube
  8. Vlog: Reencontrando Namorado em Portugal Namoro à ...

Neste vídeo ensino palavras para falar de amor, relacionamento e romance para você poder se comunicar melhor. Aproveite! RECEBA DICAS/ PISTAS DE PORTUGUÊS: h... Letra de Viriato da Cruz, poeta angolano, interpretada por Fausto. Imagens adaptadas da web. Neste vlog vou contar para vocês como é namorar com um Português. 🔴Quer morar em Portugal? Saiba mais aqui: http://bit.ly/Curso-Portugal -----... Respondi várias dúvidas que vocês deixaram no insta com meu namorado! Quanto falamos, quem paga a conta, onde queremos morar e muito mais! SE INSCREVA E DEIX... ️ Seja o meu próximo aluno, estão abertas as inscrições http://bit.ly/Oferta-imperdivel 🤑👇🏻 EXPANDIR A DESCRIÇÃO para mais LINKS 👇🏻🤑 =====... Olá pessoal! Nesse vlog mostro para vocês o meu primeiro dia em Portugal reencontrando meu namorado! Espero muito que gostem! Minha loja de roupas: https://w... #PEREIRÃO 150 LIKES E TRAGO A TERCEIRA PARTE * SIGAM-ME NO INSTAGRAM @junaldo_oficial LINK : https://www.instagram.com/junaldo_oficial/ * * CANAL DA LEILA : ... Gostou? Se inscreva no canal https://goo.gl/RDUuER O que muda do namoro para o casamento ? SEGUE A GENTE! Instagram: @Superdearo https://www.instagram.co...